Descrição de chapéu Rio de Janeiro

Sargento do Bope baleado em operação é o 67º policial morto neste ano no Rio

Policial ficou ferido na comunidade São Jorge, em Japeri, na região metropolitana do Rio

Fuzil Baixada Fluminense
Fuzil apreendido em operação da Polícia Militar na comunidade de São Jorge, na Baixada Fluminense - Reprodução/PMERJ
São Paulo

Um policial foi morto e outro ficou ferido após operação na comunidade São Jorge, em Japeri, na região metropolitana do Rio de Janeiro na manhã deste sábado (1º). 

Lotado no Batalhão de Operações Policiais e Especiais (Bope), o segundo-sargento Carlos Lucio Neppel de Araújo, 41, que estava na corporação desde 2001, foi baleado e não resistiu.

Outro policial da unidade também sofreu ferimentos durante a ação e foi encaminhado para o Hospital Central da Polícia Militar. 

Dois suspeitos foram feridos e socorridos pelos policiais, que apreenderam um fuzil com um deles e os encaminharam para o Hospital da Posse, em Nova Iguaçu. Uma pessoa não envolvida com o confronto ficou ferida e socorrida por testemunhas.

Em nota, a Polícia Militar do Rio de Janeiro informa que o Bope continua operando na comunidade, com o objetivo de localizar os envolvidos na morte de Araújo. O sargento é o 67º policial morto no estado neste ano.

No último domingo (26), o segundo-sargento do Exército Gilson Alberto de Souza Amaral foi morto a tiros em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense (RJ). 

Amaral foi o quarto membro das Forças Armadas a morrer a tiros desde que começou a intervenção federal, decretada pelo presidente Michel Temer, seis meses atrás.

 
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.