Casal é atingido por onda e morre afogado após tirar selfie em praia do Rio

Jaqueline e Marcelo foram arrastados por uma onda quando tiravam fotos na praia do Secreto

O casal Jaqueline Amorim de Souza, 38, e Marcelo Francisco Maciel, 37
O casal Jaqueline Amorim de Souza, 38, e Marcelo Francisco Maciel, 37 - Arquivo pessoal
Marcela Lemos
Rio de Janeiro | UOL

Um casal morreu afogado na praia do Secreto, no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio de Janeiro, no último domingo (6). De acordo com o Corpo de Bombeiros, Jaqueline Amorim de Souza, 38, e Marcelo Francisco Maciel, 37, foram até as pedras para tirar uma selfie quando uma onda forte os derrubou e arrastou para o mar.

O corpo de Jaqueline foi encontrado na tarde de segunda-feira (7) e o de Marcelo, localizado no começo da noite na praia da Macumba, segundo os bombeiros. Pertences do casal foram achados nas pedras.
Jaqueline será enterrada nesta terça-feira (8) no Cemitério de São Francisco Xavier, no Caju, na zona portuária do Rio. Ainda não há previsão para o sepultamento de Marcelo.

PISCINA NATURAL NA ZONA OESTE 

Chamada de praia do Secreto, o local é na verdade uma piscina natural formada por rochas que represam a água do mar. Não há faixa de areia, somente rochas por todos os lados.

O local, que tem sido cada vez mais explorado por cariocas e turistas, fica entre a praia da Macumba e a Prainha. Só é possível acessá-lo por meio de uma trilha íngreme que começa na estrada da Guanabara, que liga as duas praias. São 15 minutos de trilha em um paredão de descida.

A recomendação antes de visitar o local é observar a maré --em dias de maré alta, as ondas encobrem as pedras e a piscina natural não se forma. A praia é citada como dica de passeio em sites de turismo no Rio.
Por ser um local pequeno e de difícil acesso, a praia do Secreto não conta com salva vidas e uma placa fixada na trilha informa sobre o perigo de afogamento. Não há informações sobre outras mortes registradas no local. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.