Descrição de chapéu Alalaô DeltaFolha

Bloco de Carnaval quase dobra preço da corrida de Uber em São Paulo

Levantamento analisou tarifas em regiões com festas no final de semana

Leonardo Diegues Fábio Takahashi
São Paulo

​Se você estiver perto de um bloquinho de Carnaval e for usar aplicativos como o Uber, prepare-se para um gasto extra. O preço da corrida pode até dobrar, indica levantamento da Folha.

A reportagem monitorou três pontos de São Paulo onde houve desfile de bloquinhos numa distância de até 1 km, no último fim de semana.

Nesses lugares, o horário próximo à festa coincidiu com a tarifa mais cara do Uber, considerando os valores cobrados nos dias anteriores, no mesmo horário, desde janeiro.

Os locais que a reportagem monitorou foram avenida Paulista, centro e Lapa (zona oeste da cidade). 

Uma corrida da avenida Paulista até o aeroporto de Congonhas, no último sábado (23), às 14h, custava R$ 47, na opção Uber X. Nos sábados anteriores, saía por R$ 24 (variação de quase 100%).

A reportagem coletou desde janeiro a estimativa de 64 percursos partindo de cada um dos três pontos analisados.

Considerando esse agrupado de trajetos saindo da Paulista no último sábado, às 14h, o valor da corrida estava 85% mais caro do que a média nos sábados anteriores, no mesmo horário.

Naquela tarde, desfilaram ao menos quatro blocos na região (Será que É, Bonde das Kengas, Desculpa Qualquer Coisa e Coreto Pintado).

Eventos como blocos de Carnaval contribuem de duas formas para o aumento da tarifa do Uber. Uma é a alta da demanda pelo serviço. 

Quando isso ocorre, o sistema aumenta a tarifa. Segundo a empresa, a medida é tomada para que os motoristas tenham incentivo extra para pegarem mais passageiros.

A Uber afirma que é o motorista, não a empresa, quem embolsa a quantia adicional.

Grandes aglomerações também tendem a complicar o trânsito, o que aumenta o tempo das viagens e diminui o número de motoristas livres (o que eleva a tarifa).

É um sistema diferente do usado pelos táxis, que têm apenas duas tarifas, a bandeira normal e a bandeira 2 (esta para noites durante a semana e fins de semana). 

Apesar do preço mais previsível, há pouco incentivo para o taxista aumentar a carga de trabalho em momentos de alta de demanda.

Para tentar melhorar o serviço neste feriado de Carnaval, a Uber anunciou que vai colocar 120 pessoas, em 15 pontos da cidade, para ajudar os usuários a encontrarem mais rapidamente seus motoristas.

Esse apoio adicional ficará concentrado na região dos blocos, especialmente no centro e na zona oeste da cidade.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.