Descrição de chapéu Obituário Ítala Roca (1925 - 2019)

Mortes: Escreveu livro e reunia sua família para contar histórias

Descendente de portugueses e alemães, era habilidosa na cozinha

São Paulo

“Lucas-Gabriel-Luizinho-Rodrigo-Bruno”, repetia Ítala Roca quando falava sobre seus netos. Em seguida, como se fosse combinado, suas filhas perguntavam: “E as meninas?”. “Sara-e-Lígia”, ela completava.

Falava os nomes como se fossem um mantra. Esquecer dos netos não era uma opção para a mineira nascida em Teófilo Otoni, em 21 de dezembro de 1925. Unir a família de sete filhos, sete netos e agregados para contar suas histórias ao redor da mesa a fazia feliz.

 Ítala Roca
Descendente de portugueses e alemães, Ítala Roca era habilidosa na cozinha - Arquivo pessoal

Descendente de portugueses e alemães, era habilidosa na cozinha. Acrescentava goiabada ao bolo alemão e preparava uma iguaria que chamava de “Cleida”, com batata doce ao molho pardo. Mas a campeã das festas de fim de ano eram as “conchinhas de siri”.

Ítala estudou para ser professora e casou-se pela primeira vez aos 21. Ficou viúva aos 24, mãe de um filho e grávida de outro. Mudou-se para São Paulo e escondeu seu estado civil para trabalhar como perfuradora de cartão em um banco. “Era uma função proibida para viúvas na época”, explica a filha Mercedes, 57.

Como condição para se casar com um mecânico espanhol, deixou o emprego. Em dez anos, teve seis filhos e morou em sete cidades do Norte ao Sul do país pelo trabalho do marido. Passava semanas sozinha com as crianças.

Perdeu o primogênito, que tinha 19 anos, em 1978, em um acidente de avião. Ítala se convenceu de que ele havia partido para uma viagem.

Os filhos herdaram seu amor pelos livros. Estava sempre com uma publicação em mãos —da Barsa, comprada em prestações, aos clássicos de Dostoiévski. Aos 85, escreveu as primeiras versões de um livro sobre seus causos.

Morreu aos 93, em 3 de abril, por um tumor na bexiga. “Lucas-Gabriel-Luizinho-Rodrigo-Bruno. Sara-e-Lígia”, foram suas últimas palavras.


coluna.obituario@grupofolha.com.br

Veja os anúncios de mortes

Veja os anúncios de missas​​ 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.