Em prenúncio de aliança, Freixo recebe Haddad em ato pela educação no Rio

Potencial candidato do PSOL à prefeitura carioca, deputado se uniu a petista e outros nomes da esquerda na Cinelândia

Catia Seabra
Rio de Janeiro

Em um ensaio para as eleições municipais de 2020, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL) ciceroneou, nesta sexta-feira (10), o ex-ministro da Educação e presidenciável pelo PT em 2018, Fernando Haddad, na passagem de sua caravana pelo Rio de Janeiro.

Potencial candidato do PSOL à Prefeitura do Rio no ano que vem e à espera do apoio do PT, Freixo acompanhou Haddad em encontro com movimentos populares e um ato público no Centro do Rio.

Em discurso na Cinelândia, Freixo chamou o governador Wilson Witzel de assassino e covarde.

Freixo também disse que se sente orgulhoso por saber que o presidente Jair Bolsonaro não suporta ouvir seu nome: “Olha, Bolsonaro, quanta balbúrdia, seu imbecil”, discursou.

Haddad e Freixo conclamaram a juventude a ir às ruas.

“Tira as patas da educação, Bolsonaro. Devolve o dinheiro dos nossos meninos”, disse Haddad no ato em defesa da Educação e contra a reforma da Previdência.

Líder da oposição na Câmara dos Deputados, Jandira Feghali (PC do B), notou a ausência de PSB e PDT. Sem citar os partidos, ela disse que ainda faltava gente naquele palanque e que "deveria ampliar”. 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.