Um dia depois de inaugurada, geladeira solidária é furtada em Salvador

Bandidos levaram o eletrodoméstico durante a madrugada; objetivo era atender moradores de rua

Salvador

A ideia era simples: uma geladeira postada na calçada, onde as pessoas que por ali passavam poderiam doar ou pegar alimentos. Mas a iniciativa não durou nem 24 horas.

Menos de um dia depois de ter sido inaugurada, a “geladeira solidária” instalada no bairro de Nazaré, centro antigo de Salvador, foi furtada nesta terça-feira (30). Os bandidos levaram o equipamento durante a madrugada.

A iniciativa foi promovida pela Instituição Beneficente Conceição Macedo, entidade que cuida de crianças soropositivas. O objetivo era atender a demanda por alimentos da população em situação de rua e de famílias pobres que vivem na região.

Ato de instalação da "geladeira solidária", roubada em menos de 24 horas, que contou com a presença do comandante da Polícia Militar da região, coronel José Marcelo Santos Adães - IBCM/Divulgação

A geladeira foi instalada por volta das 10h de segunda-feira (29) e inaugurada na presença do comandante da Polícia Militar da região, coronel José Marcelo Santos Adães.

Foi um sucesso. Durante todo o dia, o equipamento recebeu alimentos doados por moradores da região.
Por volta das 18h30, quando encerraram o expediente, os gestores da instituição decidiram deixar a geladeira, ligada, na calçada.

“A gente decidiu assim porque queríamos vencer essa cultura de medo e mostrar que um equipamento que serve à comunidade poderia ficar na rua”, afirma o Padre Alfredo Dórea, responsável pela instituição.

Nesta terça-feira, sem a geladeira, os funcionários da ONG improvisaram uma mesa no local na qual foram colocados os alimentos.

Comunidade carente e moradores de rua seriam os beneficiados com a medida - IBCM/Divulgação

Esta é a segunda vez em que ele instala uma “geladeira solidária” na região. A primeira vez foi em 2015, quando o equipamento ficou no local por três meses.

Na época, o refrigerador era recolhido para dentro da sede da entidade durante a noite. Mesmo assim, a ONG teve o portão arrombado e o motor da geladeira foi furtado.

O roubo da geladeira nesta terça-feira gerou comoção em Salvador e uma nova geladeira foi doada à instituição. O equipamento será comprado e plotado com a marca da campanha “geladeira solidária”.
 

“Temos que acreditar na honestidade. Vamos fazer tudo de novo e continuar aqui, mediando solidariedade”, afirma padre Dórea. 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.