Ex-secretário de Educação Alexandre Schneider estreia coluna na Folha

Pesquisador escreverá a cada duas semanas sobre políticas públicas com ênfase na área

São Paulo

A partir desta quinta-feira (22), Alexandre Schneider, 49, passa a escrever uma coluna a cada duas semanas para a Folha.  

Ex-secretário municipal de Educação nas gestões Kassab e Doria,  Schneider é pesquisador visitante da Universidade Columbia em Nova York, pesquisador do Centro de Economia e Política do Setor Público da FGV/SP e consultor. 

0
O ex-secretário municipal de Educação de São Paulo, Alexandre Schneider, passa a escrever a cada duas semanas para a Folha Diego Padgurschi-19.jan.2018/Folhapress - Folhapress

Reconhecido na área da educação, Schneider conseguiu zerar a fila de pré-escola e superou a meta de colocar ao menos 50% das crianças em creches quando esteve à frente da pasta durante a gestão de João Doria (PSDB), entre 2016 e 2017.

No mesmo período, liderou o desenvolvimento do currículo da cidade e manteve com a categoria docente a boa relação que já tinha quando ocupou o mesmo cargo na gestão Gilberto Kassab (PSD), entre 2006 e 2012.  

"Penso em escrever sobre políticas públicas, com ênfase em educação. A ideia é tratar de temas quentes na agenda presente e também de políticas bem ou mal sucedidas, trazendo sempre que possível as evidências que atestem o sucesso ou o fracasso das mesmas", diz Schneider . "Também está na agenda a relação dessas políticas com as cidades, outro tema de meu interesse." 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.