Chuvas deixam um morto e obrigam quase 500 pessoas a deixarem suas casas no ES

Estado enfrenta alagamentos e desabamentos; seis pessoas se feriram

Rio de Janeiro

As fortes chuvas que atingem o Esp√≠rito Santo desde segunda-feira (11) causaram uma morte j√° obrigaram quase 500 pessoas a deixarem suas casas, segundo informa√ß√Ķes divulgadas pela Defesa Civil estadual na manh√£ desta sexta (15). O estado sofre com alagamentos, desabamentos, deslizamentos e quedas de √°rvores.

A Defesa Civil contabilizou, al√©m de um morto, seis feridos. As chuvas deixaram 249 desalojados (pessoas que foram obrigadas a deixar suas casas, mas n√£o est√£o em abrigos p√ļblicos) e 240 desabrigados (pessoas que se encontram em abrigos p√ļblicos).

Os maiores acumulados de chuvas nas √ļltimas 24 horas foram registrados nas cidades de Bom Jesus do Norte, Santa Leopoldina, Cariacica, Gua√ßu√≠ e Mimoso do Sul.

Helic√≥ptero do N√ļcleo de Opera√ß√Ķes e Transporte A√©reo (Notaer) da Pol√≠cia Militar acionado durante um soterramento
Helic√≥ptero do N√ļcleo de Opera√ß√Ķes e Transporte A√©reo (Notaer) da Pol√≠cia Militar acionado durante um soterramento - ASCOM

Na cidade de Alegre, ventos superiores a 70 km/h causaram o destelhamento de 30 edifica√ß√Ķes. Houve falta de energia e queda de muitas √°rvores. Alegre, Viana e Cariacica decretaram situa√ß√£o de emerg√™ncia.

Um trecho de 15km na BR-262, em Domingos Martins, ficará totalmente interditado pelo menos até domingo (17).

Segundo o Incaper (Instituto Capixaba de Pesquisa, Assist√™ncia T√©cnica e Extens√£o Rural), as chuvas devem continuar nesta sexta (15) e no s√°bado (16). A previs√£o √© de que o tempo melhore no domingo (17), com previs√£o de chuva fraca apenas no norte do estado.

No Rio de Janeiro, o tempo segue inst√°vel, com chuva fraca. Na quarta-feira (13), chuvas muito fortes levaram o estado a entrar em est√°gio de aten√ß√£o. Houve alagamentos, deslizamentos, fechamento de avenidas, quedas de √°rvores e acionamento de sirenes em sete comunidades. 

Tópicos relacionados

Coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.