Polícia identifica corpo de mulher encontrado no rio Pinheiros; SP registra 2º caso de afogamento nesta semana

Vítima foi vista se debatendo na água por passageiros da estação Pinheiros

São Paulo

O corpo de uma mulher foi encontrado nas águas do rio Pinheiros, na manhã desta quinta-feira (21), em São Paulo. A vítima foi identificada como Ruth Cordeiro de Figueiredo, 36, segundo a Secretaria de Segurança Pública de SP.

Ela foi vista por passageiros da estação Pinheiros do Metrô/CPTM se debatendo no rio por volta das 6h40. Foram eles quem acionaram o serviço de resgate do Corpo de Bombeiros.

Equipes dos bombeiros no rio Pinheiros na manhã desta quinta (21)
Equipes dos bombeiros no rio Pinheiros na manhã desta quinta (21) - Reprodução/TV Globo

Os bombeiros disseram, por meio de sua assessoria de imprensa, que enviaram cinco equipes, além de médicos, ao local.

A mulher foi encontrada sem vida por volta das 7h25 desta quinta (21).

Major Palumbo, porta-voz da corporação em São Paulo, afirmou que no corpo dela não havia nenhum sinal de violência, como tiro ou outra marca de perfuração.

Ruth foi reconhecida pelo marido, que compareceu ao local. Ela estava desparecida desde o dia 18 deste mês, logo após visitar a mãe em Cotia, na Grande SP.

Foram solicitados exames periciais ao IC e ao IML. O caso foi registrado como morte suspeita e é investigado pelo 14º DP (Pinheiros).

Este é o segundo caso de afogamento registrado em um rio que corta a capital paulista nesta semana. Na madrugada de terça (19), o corpo de uma mulher foi retirado das margens do rio Tietê, na região da Barra Funda (zona oeste).

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.