Veja o que abre e o que fecha no feriado da Consciência Negra em São Paulo

Rodízio de carros estará suspenso nesta quarta (20); avenida Paulista será aberta ao público

São Paulo

Neste feriado do Dia da Consciência Negra, alguns serviços não vão funcionar ou terão horário reduzido na cidade de São Paulo. Agências bancárias, Poupatempo, Denatran e Procon  estarão fechados na capital. 

Os hospitais e prontos-socorros municipais, Assistências Médicas Ambulatoriais (AMA) 24h e as Unidades de Pronto Atendimento (UPA), funcionarão o dia todo, de forma ininterrupta.

As AMA 12h atenderão das 7h às 19h. As AMA integradas com UBS (Unidades Básicas de Saúde)  funcionarão apenas com pronto atendimento, das 7h às 19h.

Não irão funcionar as UBS, os Ambulatórios de Especialidades (AE), a Rede Municipal Especializada (RME) em doenças sexualmente transmissíveis (DSTs)/Aids, as AMA Especialidades e os Hospitais Dia. 

Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) 24h funcionarão apenas com demandas internas, não abrindo ao público. Também estarão fechados os  hospitais veterinários das zonas leste e norte da cidade.

Os mercados e sacolões terão seus horários de funcionamento alterados. Feiras funcionam normalmente.

O rodízio municipal de veículos fica suspenso, inclusive para caminhões. 

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, a avenida Paulista será aberta ao público, das 10h às 18h. Além da Paulista, a avenida Sumaré (das 7h às 14h) e a rua Medeiros de Albuquerque também serão abertas.

Em relação aos dias comuns, a frota de ônibus em São Paulo será reduzida a 41% do operacional.

Local  Feriado da Consciência Negra na capital paulista
Bancos Fecham
Poupatempo Fecha
Denatran  Fecha
Procon Fecha
Shoppings* (lojas) 14h às 20h
Shoppings (alimentação) 11h às 23h

*  Pode haver alterações em alguns shoppings

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.