Descrição de chapéu Obituário Mario Simas Filho (1960 - 2020)

Mortes: Jornalista, gostava da família unida e de passeios de buggy

Mario Simas Filho foi autor da reportagem reveladora sobre a verdadeira causa da morte de PC Farias

São Paulo

Além de ter tido impecável trajetória na imprensa, o jornalista Mario Simas Filho descobriu uma paixão por buggies.

A predileção migrou para as redes sociais e Mario foi um dos entusiastas da página Brothers Buggy, no Facebook, voltada aos apaixonados pelo veículo. 

A filha, a jornalista Fernanda Marques Simas, 32, conta que as manhãs de sábado eram dedicadas aos encontros com os amigos na sede do grupo, no Ipiranga (zona sul). 

Mario Simas Filho (1960-2020)
Mario Simas Filho (1960-2020) - Arquivo pessoal

Nascido em São Paulo, Mario era corintiano. Atualmente, abria mão de qualquer programação para ficar com os dois netos. 

Raramente alguém o encontrava triste ou estressado. Mesmo nessas situações, o sorriso nunca perdia espaço no rosto.

"Devemos nos preocupar mais com o ser do que com o ter", ele dizia com frequência.
Sob suas asas protetoras, nunca faltou lugar para os filhos e netos. "Meu pai gostava de ter a família unida aos sábados à noite, nos passeios de buggy e quando ia apreciar o mar no cantão de São Vicente [a 65 km de SP], perto da ilha Porchat", relata Fernanda.

Como jornalista, Mario passou por redações importantes. Foi de sua autoria, para a revista IstoÉ, a reportagem reveladora sobre a verdadeira causa da morte de PC Farias, à época aliado de Fernando Collor de Mello.

Em 2001, venceu o Prêmio Esso pela série de reportagens "Senadores envolvidos na fraude do painel de votação do Senado".

O desejo que gostaria de realizar estava guardado para a aposentadoria: queria escrever um livro para retratar as histórias vividas no jornalismo.

Mario Simas Filho morreu no dia 16 de janeiro, aos 59 anos, de câncer no rim. Deixa esposa, três filhos e dois netos.

coluna.obituario@grupofolha.com.br
 
Veja os anúncios de mortes

Veja os anúncios de missa

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.