Chuva leva escolas de SP a cancelarem aulas

Decisão foi tomada por cerca de 40 colégios municipais, 37 estaduais e ao menos 5 particulares

São Paulo

As fortes chuvas levaram escolas públicas e particulares de São Paulo a cancelarem aulas nesta segunda-feira (10).

Na rede estadual, as aulas foram suspensas em 37 das 5.100 unidades. O conteúdo deverá ser reposto posteriormente. 

Na municipal, as aulas foram mantidas como regra geral, mas a secretaria de Educação informa que 1% das cerca de 4.000 escolas não estão atendendo por dificuldades no entorno. Haverá reposição.

Na rede privada, ao menos cinco colégios foram afetados. ​

Colégio Santa Cruz, em Alto de Pinheiros, com entrada alagada após a chuva em SP
Colégio Santa Cruz, em Alto de Pinheiros, com entrada alagada após a chuva em SP - Arquivo pessoal

Em Alto de Pinheiros (zona oeste), o Colégio Santa Cruz ficou completamente isolado pelo temporal.

A avenida Arruda Botelho, por onde os alunos costumam entrar, está bloqueada pela chuva. Na área interna, pátios ficaram completamente alagados, e no local onde ficará a nova biblioteca do colégio, mesas e cadeiras ficaram cobertas pela água.

O Colégio Visconde de Porto Seguro também cancelou as aulas no campus Morumbi. "As fortes chuvas que ocorreram nesta madrugada causaram alagamentos em toda a região, o córrego ao lado do colégio transbordou e afetou diretamente os nossos estacionamentos. Iremos realizar toda a higienização para a segurança de nossos estudantes", afirmou a direção em nota.

Em Perdizes (zona oeste), o São Domingos também cancelou as aulas da tarde, seguindo as orientações das autoridades para evitar deslocamentos desnecessários.

"Na dinâmica de nossa escola, os mais atingidos são os funcionários e os professores que moram mais distante e dão o suporte para o nosso funcionamento. Durante a manhã procuramos atender, com bastante precariedade, os alunos que chegaram", diz nota da direção aos pais.

No Brooklin, a escola Aubrick seguiu a mesma linha, cancelando as aulas da tarde.

Decisão semelhante foi tomada pela Escola Castanheiras, em Santana de Parnaíba (Grande SP), que suspendeu as aulas regulares e acolheu os alunos que têm chegado.

O Dante Alighieri, nos Jardins, informou as famílias que os alunos que não conseguiram chegar ao colégio terão suas faltas justificadas e poderão repor o conteúdo em horários de plantão. Aqueles que perderam avaliações poderão fazê-las em outra oportunidade.

Uma reunião de pais marcada para a tarde será transmitida pela internet para que quem não puder ir tenha a possibilidade de acompanhar online.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.