Descrição de chapéu Alalaô

Liga decide que fantasia suja por chuvas em SP não vai tirar ponto da Pérola Negra

São Paulo

A escola de samba Pérola Negra não irá perder pontos por fantasias danificadas pelo temporal que atingiu São Paulo na segunda-feira (10) e inundou o barracão da agremiação.

A decisão foi tomada no sábado (15) em reunião plenária realizada entre os presidentes das escolas de samba do grupo especial de São Paulo.

Barracão da escola de samba Pérola Negra, na Vila Leopoldina, alagado
Barracão da escola de samba Pérola Negra, na Vila Leopoldina, alagado - Arquivo Pessoal

Usado para confecção de fantasias e armazenamento de materiais como tecidos e aviamentos dos trajes, o barracão da Pérola Negra sob o viaduto Mofarrej, na Vila Leopoldina (zona oeste de SP), ficou completamente alagado.

A escola enviou um caminhão para retirar os funcionários que trabalhavam no local no início da manhã, quando a água subiu. Ninguém se feriu. 

Em razão do ocorrido, a reunião convocada pela Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo decidiu que os jurados serão informados previamente sobre quais alas sofreram algum dano por causa da enchente.

Eles "não considerarão sujidades nas fantasias indicadas", já as demais vestimentas que não forem indicadas serão julgadas normalmente.

Ficou decidido ainda que, em caso de empate na apuração, o quesito fantasia não fará parte do primeiro critério de desempate, ou seja da soma de todas as notas, inclusive as descartadas.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.