Descrição de chapéu Ao Vivo em Casa

Reabertura das escolas é tema de live da Folha, nesta sexta-feira (7)

Os entrevistados serão o pediatra Paulo Telles e Raquel Marques, codeputada da Bancada Ativista (PSOL)

São Paulo

A reabertura das escolas e a segurança das crianças em meio à pandemia do novo coronavírus é o tema do Ao Vivo em Casa nesta sexta-feira (7). Com mediação do jornalista Emilio Sant'Anna, os entrevistados serão o pediatra Paulo Telles e Raquel Marques, codeputada da Bancada Ativista (PSOL). A live começa a partir das 17h.

Em São Paulo, a retomada das aulas foi adiada para 7 de outubro. No entanto, as escolas podem reabrir a partir de 8 de setembro para atividades presenciais opcionais para um número reduzido de estudantes.

Só poderão planejar atividades presenciais as escolas que estiverem em regiões que atingirem e permenecerem na fase amarela de reabertura por 28 dias. A regra vale para escolas públicas e particulares.

Com isso, o governo abandonou o plano de retomada da educação antes anunciado para a volta em 8 de setembro, que exigia a permanência de 80% da população do estado na fase amarela do plano ao longo das quatro semanas imediatamente anteriores à retomada e dos outros 20% por pelo menos metade desse prazo para que as escolas fossem reabertas.

Raquel Marques e Paulo Telles
Raquel Marques e Paulo Telles - Núcleo de Imagem

Os estabelecimentos de ensino estão fechados desde 23 de março por causa da quarentena imposta para frear o avanço do novo coronavírus. Nesta sexta, Doria informou que 86% do estado encontra-se na fase amarela, a terceira da escala de cinco estágios que rege a reabertura das atividades econômicas presenciais no estado levando em conta critérios como mortes e internações decorrentes da Covid-19 e ocupação de leitos de UTI.

A volta opcional em setembro e oficial em outubro é uma tentativa de equacionar as pressões contrárias e favoráveis à reabertura.

Segundo Rossieli Soares, secretário de Educação do estado, a decisão de liberar as escolas para parte das atividades em 8 de setembro serve dar apoio psicológico aos alunos, reforços pedagógicos, plantões de dúvidas e atividades esportivas. "Precisamos cuidar do psicológico, do emocional dos nossos alunos. A escola é um porto seguro para muitos deles".

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.