Primavera chega com frio e alertas de chuva no Sudeste

Estação começa nesta terça (22) e vai até o dia 21 de dezembro

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A primavera começa no hemisfério Sul exatamente às 10h31 desta terça-feira (22) e, com ela, caem a temperatura e a chuva no Sudeste do país.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), as previsões de temperatura mínima para as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro são de 12ºC e 18ºC, respectivamente, nesta terça. Em Belo Horizonte, os termômetros chegam a 15ºC.

Embora a primavera seja reconhecida pela volta das altas temperaturas, elas devem continuar um pouco abaixo do normal para a época ao longo de toda a estação, segundo o serviço Climatempo.

A primavera também marca o retorno das chuvas, e cai água nas quatro capitais da região Sudeste nesta primeira semana.

De acordo com Fabio Luengo, meteorologista da Somar Meteorologia, a primavera deste ano sofre influência do La Niña, fenômeno natural que causa a queda de temperatura do Oceano Pacífico, próximo a linha do Equador.

"No Brasil, a tendência é de o Centro-Sul apresentar clima mais seco e frio, enquanto Norte e Nordeste têm aumento no volume de chuva. Por volta de novembro, grande parte do país deve registrar temperaturas mais elevadas, inclusive com chance de recorde", aponta.

Para essa primavera, deve-se esperar chuva abaixo da média no Centro-Sul, em especial Mato Grosso do Sul, segundo Luengo, “Isso não quer dizer que não choverá. Haverá chuva, altas temperaturas e até temporais, características marcantes desta estação”.

O meteorologista explica que a chuva abaixo da média acontece porque as frentes frias não passam de forma continental sobre o país e acabam sendo desviadas para o oceano. “Sem as frentes frias não há chuva tão expressiva. Há outros sistemas que provocam chuva, mas são pontuais”, diz.

O Inmet alerta para um acumulado de chuvas com risco de alagamentos e pequenos deslizamentos em áreas de risco de todo o estado do Rio de Janeiro, litoral norte de São Paulo, Baixada Santista e Vale do Paraíba e no sul de Minas Gerais.

Em São Paulo também há risco de temporais na capital e nas regiões de Sorocaba e Bragança Paulista. No Oeste e Norte do estado, a chuva deve ser moderada.

O retorno das chuvas não se restringe ao Sudeste. Na primeira semana da estação deve chover em quase todas as regiões do país, com exceção do Nordeste, onde chove só no litoral da Bahia e de Sergipe, e em baixo volume.

Na região Sul, maior volume pluviométrico deve se concentrar no sul do Rio Grande do Sul e no norte do Paraná. No Norte ela se concentra mais a oeste da região, e no Centro-Oeste devem ocorrer chuvas esparsas.

A primavera vai até o dia 21 de dezembro, quando ocorre o solstício de verão no hemisfério Sul.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.