Descrição de chapéu Educação a distância

Nova ferramenta do YouTube facilita a vida de quem faz cursos online

Playlist tem barra lateral que só sugere ao usuário vídeos específicos das aulas, para evitar distração

Ana Luiza Tieghi
São Paulo

O YouTube lançou uma nova ferramenta para facilitar a vida de quem gosta de assistir a conteúdos educacionais pela internet.

Chamada de playlist educativa, é uma forma de criar pequenos cursos na plataforma, compostos por uma sequência de vídeos de um canal. 

Diferentemente de uma playlist comum do site, a playlist educativa é apresentada em formato fechado. Ela informa o tempo total para assistir ao programa inteiro, apresenta um trailer sobre o conteúdo e mostra apenas vídeos do próprio curso em sua barra lateral de sugestões. 

Página com mulher sorrindo
Página de playlist educativa do canal Me Poupe!, no YouTube - Reprodução/YouTube

Fora da ferramenta, o usuário poderia ter dificuldade de acompanhar uma sequência de vídeos porque o sistema de recomendação do YouTube sugere conteúdos que não necessariamente estão ligados ao curso, causando uma dispersão. 

As playlists educativas foram lançadas apenas em alguns países, por enquanto. Além do Brasil, estão disponíveis nos Estados Unidos, Canadá, Espanha, Reino Unido, Colômbia, México e Índia.

Só alguns canais foram selecionados para terem acesso a essa ferramenta em um primeiro momento, para garantir a qualidade dos cursos oferecidos, segundo o YouTube. 

No Brasil, os cursos são encontrados em canais que trazem conteúdos para o Enem, além de empreendedorismo e faça você mesmo. São eles: Manual do Mundo, Me Poupe!, Se Liga nessa História, Débora Aladim, JeanGrafia GabaritaGEO, Matemática Rio com Prof. Rafael Procopio, Professor Noslen, MyNews, Poligonautas, Biologia Total com Prof. Jubilut e Ciência em Ação - Prof. Paulo Valim.

A mudança responde a uma reclamação antiga de youtubers que postavam vídeos com conteúdo linear e tinham dificuldade de reter o usuário na sequência planejada, já que o sistema de recomendação do site acabava levando-o para outros vídeos. 

Barra lateral com indicações de vídeos na ferramenta "playlist educativa", no YouTube
Barra lateral com indicações de vídeos na ferramenta "playlist educativa", no YouTube - YouTube/Reprodução

“A sequência de vídeos facilita para nós e para quem está aprendendo, porque garante mais foco e atenção”, diz Nathalia Arcuri, criadora do canal de educação financeira Me Poupe!

Quem assina o YouTube Premium ou possui a versão Go do aplicativo, mais simples do que a tradicional, consegue baixar os cursos para ver quando não estiver conectado à internet. 

“Nunca tivemos a pretensão de substituir o ensino formal, mas queremos fazer com que as pessoas queiram aprender, queremos gerar interesse”, diz Iberê Thenório, do canal Manual do Mundo.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.