Unicamp muda prova de matemática no vestibular para compensar perdas da pandemia

Candidatos de humanas terão questões da disciplina voltadas à área; inscrições foram abertas nesta segunda (2)

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) vai mudar a prova de matemática para os candidatos aos cursos de ciências humanas, devido às dificuldades decorrentes do fechamento das escolas durante a pandemia da Covid-19.

As inscrições para o vestibular da instituição foram abertas nesta segunda-feira (2).

Assim como na prova realizada no início deste ano, serão 72 questões, em vez das tradicionais 90.

Candidatas fazem prova do vestibular da Unicamp com mascara e face shield
Prova do vestibular da Unicamp realizado em janeiro - Bruno Santos - 6.jan.2021/Folhapress

As decisões foram tomadas após a constatação de que os candidatos ao vestibular 2021 tiveram dificuldades adicionais com os conteúdos do ensino médio devido ao fechamento das escolas no ano passado.

As notas de matemática foram as que tiveram maior queda no processo seletivo realizado no início deste ano.

“Temos um desafio enorme de realizar o vestibular 2022 que tem a ver com o engajamento e a mobilização dos estudantes. Temos visto dados, por exemplo, de uma queda muito expressiva de inscritos no Enem, o que significa que esses jovens estão sendo impactados em sua capacidade de planejar seu futuro”, disse o diretor da Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp, José Alves Freitas Neto.

“Temos clareza que temos que preparar um processo de seleção com estudantes que passaram dois dos três anos de ensino médio basicamente em ensino remoto.”

Como a Folha mostrou, 80% dos alunos das escolas estaduais de São Paulo não ficaram mais que duas horas online no aplicativo de ensino remoto do governo paulista ao longo de quase todo o ano de 2020.

As questões de matemática que sofrerão mudanças no vestibular da Unicamp serão as aplicadas aos candidatos aos cursos de ciências humanas. Segundo o diretor, elas serão mais aplicadas à área.

A primeira fase do processo seletivo será no dia 7 de novembro, e a segunda, em 9 e 10 de janeiro de 2022.

As provas de habilidades específicas para os cursos de música serão realizadas antes da primeira fase, em setembro e outubro. As dos demais cursos ocorrerão entre os dias 13 e 15 de janeiro.

As inscrições podem ser feitas até o dia 8 de setembro, exclusivamente pela internet.

Serão ofertadas 2.540 vagas em 69 cursos.

O vestibular da Unicamp para 2021, realizado em janeiro, teve a maior abstenção desde 2003 na primeira fase, com 13,8% dos inscritos. Nos anos anteriores, a taxa média havia sido de 9%.

Diferentemente do que irá ocorrer em novembro, a primeira fase foi feita em dois dias, para evitar aglomerações de candidatos.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.