Descrição de chapéu
João Paulo Vergueiro

Empresas incentivando a doação

Um dado recente chamou a atenção quando faltava um mês para o Dia de Doar, cuja edição deste ano será em 3 de dezembro.

As doações das grandes empresas às organizações da sociedade civil despencaram, passando de 453 milhões em 2017 para 232 milhões em 2018, segundo o relatório 2019 do BISC - Benchmarking do Investimento Social Corporativo, publicação anual da organização Comunitas.

No geral, de acordo com o mesmo estudo, em 2018 as empresas investiram 2 bilhões e 100 milhões de reais na área social, uma queda de 13% em relação ao ano anterior, e o menor valor dos últimos cinco anos.

O Dia de Doar 2019 acontece na terça-feira (3)
O Dia de Doar 2019 acontece na terça-feira (3) - Divulgação

O que vamos fazer para mudar isso? Uma das iniciativas mais empolgantes é justamente o Dia de Doar, oportunidade de divulgar um movimento global que incentiva a generosidade e aproxima as pessoas das causas e organizações.

Um estudo recente da consultoria Cause, ESPM, Instituto Ayrton Senna e Ipsos, mostrou que 78% dos entrevistados acreditam que as empresas de hoje invistam mais em causas do que investiam no passado.

Não é à toa que dizemos que as empresas podem e devem participar ativamente do Dia de Doar, esta grande companha global —que lá fora chama #GivingTuesday— presente em mais de 60 países e que incentiva a generosidade e aproxima as pessoas das causas e organizações. 

No Brasil, no ano passado o Dia de Doar alcançou 22 milhões de pessoas nas redes sociais, com um investimento de mil reais em mídia paga. Um retorno gigantesco. Isso porque o Dia de Doar é um movimento horizontal, não é centralizado, e dessa forma estimula com que mais gente participe, inclusive as empresas.

E como aderir ao Dia de Doar? É fácil! A empresa pode potencializar uma ação já existe ou criando uma nova, mobilizando seus colaboradores, clientes, parceiros comerciais ou a comunidade onde está presente para um ato de doação.

Pulseiras de identificação dos participantes do Dia de Doar de 2018
Pulseiras de identificação dos participantes do Dia de Doar de 2018 - Divulgação

A PayPal, parceira global da campanha, utiliza seus meios já existentes de pagamento para promover doações em dinheiro a organizações previamente selecionadas.

Já a Smiles criou a ação “Milhas do Bem”, e durante os dois últimos Dia de Doar mobilizou milhões de milhas para organizações da sociedade civil.

Muitas empresas engajam seus colaboradores no Dia de Doar com ações de voluntariado ou escolhendo ONGs locais para receberem doações –inclusive de dinheiro, que é o recurso mais importante para financiar qualquer organização. E até trazerem a rede de fornecedores, ampliando o alcance.

Outra forma de participar do Dia de Doar é com iniciativas de doação que envolvam os seus clientes, em que uma parte do valor de algum produto ou serviço vai para uma organização parceira da empresa.

Também é possível estimular doações com o arredondamento da fatura (ao invés de pagar R$ 3,77, o cliente paga R$ 4, e a diferença vai para uma organização), a doação do troco, abrir espaço para a ONG pedir doações dentro da empresa, avisar os clientes sobre o Dia de Doar e indicar organizações para receberem doações etc. As possibilidades são múltiplas, e o potencial também!

Se o Black Friday hoje é um grande evento, senão um dos maiores eventos de compras do ano, por que não apoiar, além do consumo, a doação? Os brasileiros são generosos e as empresas são uma boa oportunidade para direcionar essa generosidade.

Neste ano, o Dia de Doar será em 3 de dezembro. No site há uma série de conteúdos que podem ser utilizados livremente por qualquer um. Vamos fazer bonito e transformar os números da doação no país.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.