Descrição de chapéu Dias Melhores

Moradores do Copan se mobilizam para ajudar população de rua

Com pontos de arrecadação no edifício no centro de SP, projeto Fogão na Rua pretende distribuir mais de 400 kits de alimentação na próxima semana

São Paulo

O projeto Fogão na Rua iniciou campanha de arrecadação para distribuir kits de alimentação e higiene pessoal para moradores de rua na região central de São Paulo. As doações serão recolhidas no edifício Copan até esta sexta-feira, dia 1º de maio.

A iniciativa existe desde 2016 e passou a incluir nesse último mês produtos necessários para a prevenção do coronavírus. Antes mensais, as ações passaram a ocorrer quinzenalmente dada a urgência do momento.

Além de refeições completas e alimentos de reforço, como biscoitos e bolos, o kit inclui itens de higiene pessoal, como álcool em gel e garrafas pets com mistura especial de água e sabão, básicos para a prevenção do vírus.

À esquerda, ecobag com máscara cirúrgica, álcool em gel,garrafa de água, biscoitos, preservativos e papel higiênico; à direita, marmita com arroz, feijão, farofa e salada de legumes
Kit de higiene pessoal e alimentação preparado pela organização Fogão Na Rua - Divulgação

Os voluntários também produziram um panfleto de conscientização para ser distribuído junto com os itens doados, explicando quais são os cuidados necessários durante a pandemia. Cada kit completo custa R$ 15.

As doações podem ser deixadas diretamente nas portarias dos cinco blocos do Copan. É possível também contribuir financeiramente acessando o site da campanha: https://abacashi.com/p/fogao-na-rua

De acordo com o último censo municipal, cerca de 24 mil pessoas em São Paulo são moradoras de rua, particularmente vulneráveis à pandemia, tanto pela dificuldade de acesso a produtos básicos de higiene quanto por suas consequências econômicas.

À esquerda, um homem e duas mulheres de máscara cirúrgica colocam produtos doados em ecobags; à direita, duas mulheres voluntárias, de avental azul e máscara, entregam kits para moradores de rua no centro da cidade
Equipe Fogão Na Rua prepara kits de higiene e alimentação (à esq.) e distribuir para moradores de rua (à dir.) - Divulgação

Também visando assistir essa parcela da população, moradores do Copan e empresários com empreendimentos no edifício lançaram a iniciativa Copan Solidário.

Com apoio da administração do prédio, o espaço de arte Pivô e a livraria Megafauna (ambos instaladas no edifício) estão recolhendo doações dos cerca de 5 mil moradores do Copan, foco inicial da ação. O espaço artístico e a livraria atuam em parceria com a editora Ubu e a organização Doe Máscaras.

"O amplo espaço do Pivô, localizado ao lado do bloco B e com acesso fácil à rua interna do prédio, é um lugar seguro e conveniente para receber as doações", afirma Paula Signorelli, diretora da galeria.

No próximo sábado, 2 de maio, voluntários da iniciativa Copan Solidário estarão na galeria Pivô para receber doações de não-moradores.

Os alimentos e produtos arrecadados pelo projeto serão também distribuídos pela Fogão na Rua. A entrega dos kits está prevista para 5 de maio.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.