Descrição de chapéu Coronavírus

Doações de itens de higiene e limpeza por empresas se espalham pela América Latina

Somadas, gigantes P&G e SC Johnson já doaram o equivalente a R$ 37 milhões

São Paulo

À medida que avança a pandemia da Covid-19, empresas de todos os ramos cumprem seu papel de responsabilidade social e fazem grandes doações para combater o novo coronavírus e evitar que a crise gere efeitos socioeconômicos irreparáveis.

Não é diferente com o setor de higiene e limpeza. A SC Johnson, dona de marcas como Glade, Pato e Off!, anunciou que fará contribuições para organizações em toda a América Latina —um pacote de doações equivalente a R$ 11 milhões.

O objetivo ajudar as pessoas que estão na linha de frente e as comunidades mais vulneráveis a lidar com a propagação do vírus e se prevenir.

No Brasil, serão doadas para assistência médica e organizações comunitárias 300 mil unidades do desinfetante para as mãos Lysoform. No Peru, a empresa vai fornecer kits de higiene familiar e alimentos à organização Visão Mundial.

Na Argentina, o número de parcerias é maior: serão beneficiadas com alimentos e desinfetantes as instituições Banco de Alimentos, Fundação Si, Seamos Uno, Associação de Conciência, Techo, Módulo Sanitário e Caritas San Isidro, que apoiam comunidades locais. Também será desenvolvido um hospital de emergência para apoiar o serviço de saúde pública do país, em parceria com o Hospital Austral.

Uma parceria da empresa com a Cruz Vermelha também vai impactar as famílias do Chile, Colômbia, Equador, Costa Rica e México. Outra parceria com a Save the Children, no México, vai educar crianças sobre práticas de lavagem das mãos, além de fornecer kits com produtos de higiene básica e de limpeza doméstica.

A SC Johnson está doando mais de 125 mil unidades de repelentes pessoais e inseticidas para beneficiar famílias na Argentina, no Brasil e no Paraguai. A iniciativa aconteceu devido ao aumento no número de casos de dengue nesses países nos últimos meses.

A P&G, dona da Oral-B, Vick e Gillette, já está no segundo pacote de doações, que envolve produtos próprios da companhia, kits de higiene para hospitais e doação de cestas básicas às comunidades vulneráveis.

Somadas às primeiras doações, as iniciativas alcançam um total de mais de R$ 26 milhões destinados ao combate à Covid-19, com mais de 3,4 milhões de produtos doados.

Da nova etapa de doações, mais de R$ 22 milhões estão sendo destinados a auxiliar hospitais e profissionais da área de saúde que estão na linha de frente do combate à Covid-19.

A Pampers doou 675 mil fraldas e a Oral B se comprometeu a doar 863 mil produtos para hospitais e Cruz Vermelha, entre eles escovas e pastas de dente e enxaguantes bucais.

Já a Vick está doando 1,8 milhão de itens direcionados a profissionais de hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), também via Cruz Vermelha.

Funcionário da Cruz Vermelha em São Paulo. A organização atua na linha de frente do combate à Covid-19 - Rahel Patrasso

Gillette, por sua vez, já está distribuindo 10 mil kits de higiene para a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, que serão distribuídos entre profissionais e pacientes. E a Always, de absorventes femininos, destinou 200 mil unidades a médicas, enfermeiras, profissionais de limpeza e recepcionistas de hospitais públicos e privados de São Paulo.

Outro foco das doações são as comunidades brasileiras. A P&G doou 78 toneladas de cestas básicas para Paraisópolis e Capão Redondo, em São Paulo, via Projeto Vida Corrida e Associação das Mulheres de Paraisópolis. No Rio de Janeiro, contribuiu para a Cidade de Deus via United Way e Gerando Falcões.

A Gtex Brasil, produtora nacional de sabões e desinfetantes, também entrou para a lista de grandes doadoras. A empresa brasileira comunicou a doação de mais de 20 toneladas de produtos de limpeza para auxiliar as famílias que moram no entorno de suas fábricas.

As primeiras doações, que totalizaram nove toneladas, foram destinadas para as prefeituras dos municípios de Guarulhos, Suzano e Itupeva (SP), onde estão três das plantas da companhia. Mais recentemente, comunidades do Rio de Janeiro foram assistidas com kits de limpeza, entregues juntamente às cestas básicas mensais que já recebiam.

Outras dez toneladas chegaram ao Instituto Gerando Falcões, uma organização social que atua em periferias e favelas do Brasil.

Para completar o montante, o Lar de Idosos São Vicente de Paulo, que atende cerca de 62 idosos no município de Várzea Grande (MT), recebeu unidades do álcool em gel Urca, lançamento da marca.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.