Descrição de chapéu Saúde responde

Ar-condicionado o dia todo faz mal?

Vias respiratórias podem ficar irritadas e a pele seca com uso

São Paulo

O ar-condicionado, ao deixar o ambiente mais frio, também acaba retirando umidade do local. 

Com o ar seco, as vias aéreas são afetadas e acabam irritadas. A pele também sofre com o ar-condicionado e pode ficar ressecada, o que aumenta a sensibilidade e a chance de irritações. 

Homem de bicicleta passa em frente a casas com inúmeros ar-condicionados
Homem de bicicleta passa em frente a prédio com inúmeros ar-condicionados - Saumya Khandelwal/The New York Times

Umidificadores de ar, consumo de muita água e soro fisiológico nasal são algumas das soluções possíveis.

Para a pele, cremes e loções hidrantes dão conta do recado. Segundo Alessandra Romiti, coordenadora de cosmiatria da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia), o ideal é a aplicação de uma a duas vezes por dia. “O melhor é fazer pela manhã, porque aí já faz a proteção toda do rosto, com hidratante e protetor solar.”

O choque térmico é outro ponto a se levar em conta quando se pensa em ar-condicionado, principalmente para quem é alérgico. 

“Transitar do calorão para um local climatizado costuma desencadear crises em quem sofre com rinite, bronquite e outras ites”, afirma Fernanda Miranda, pneumologista e diretora de comunicação da SBPT (Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia).

A higienização dos filtros do ar-condicionado, que acumulam poluentes, fungos e bactérias, é outra preocupação necessária. “A pouca manutenção do equipamento contribui para a proliferação de vírus, como o da gripe”, diz Miranda.

É preciso também estar atento ao ar em carros, que deve ter os filtros substituídos a cada seis meses, caso a pessoa more em cidades grandes.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.