O que é e como se contrai esquistossomose?

Publicações falsas disseram que houve surto da doença após jogos universitários de São Carlos (SP)

São Paulo

Circulou o boato de um surto de esquistossomose entre jovens que brincaram na lama onde o conteúdo de um banheiro químico teria vazado durante os jogos universitários Tusca (Taça Universitária de São Carlos). 

A notícia foi falsamente atribuída a um portal de notícias. A organização do Tusca informou que não houve relatos de que um banheiro químico instalado para os jogos tenha estourado. Ainda assim, publicações inverossímeis somavam cerca de 20 mil compartilhamentos. 

A esquistossomose é contraída no contato humano com larvas do Schistosoma mansoni em água contaminada. Caramujos servem como hospedeiros intermediários do verme. Fezes contaminadas de humanos podem contaminar o ambiente, reiniciando o ciclo da doença. 

Os sintomas demoram para se manifestar porque o período de incubação da doença pode durar meses ou anos, explica Caio Rosenthal, infectologista do Hospital do Servidor Público Estadual. 

Rosenthal diz que a esquistossomose, conhecida como barriga d'água, ocorre com maior frequência em regiões com saneamento precário. 

No homem, a doença pode causar, na fase aguda, diarreia, coceira, febre, vômitos e emagrecimento. Se não tratada, pode evoluir para a fase crônica, que é assintomática e pode se agravar. 

Os sintomas podem incluir anemia, desnutrição, emagrecimento e cirrose, em casos mais graves. É possível morrer de choque hipovolêmico (quando se perde muito sangue) devido à hemorragias. 

Uma dose da droga praziquantel é usada para casos mais simples. O remédio é distribuído gratuitamente.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.