Descrição de chapéu Coronavírus

São Paulo alcança 75% da população com esquema vacinal completo

Índice é um dos requisitos para flexibilizar uso de máscara em espaços abertos

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O estado de São Paulo atingiu nesta quinta (25) a marca de 75% da população com esquema vacinal completo contra a Covid. Ao todo, mais de 34,7 milhões de pessoas receberam as duas doses ou dose única dos imunizantes disponíveis.

O estado tem também mais de 84,5% da população com ao menos a primeira dose da vacina, segundo os dados do governo. Com isso, São Paulo é o estado brasileiro com o maior percentual de pessoas vacinadas.

O índice de 75% da população com o esquema vacinal completo é um dos requisitos estabelecidos pelo Comitê Científico estadual para o fim da obrigatoriedade do uso de máscara em espaços abertos a partir de 11 de dezembro. O plano foi anunciado pelo governador João Doria (PSDB) na quarta (25).

Aluno é vacinado na Emef Chiquinha Rodrigues, na zona sul da capital paulista
Aluno é vacinado na Emef Chiquinha Rodrigues, na zona sul da capital paulista - Rivaldo Gomes/Folhapress

Além do indicador de vacinação, o comitê também recomendou que a flexibilização das máscaras ocorra quando a média móvel ficar até 1.100 casos de Covid por dia e as internações estiverem abaixo de 300. A média de óbitos não pode ser maior do que 50.

No dia do anúncio de Doria, a média móvel diária de novos casos era de 1.289, a de internações, de 318, e a de mortes, de aproximadamente 61.

A previsão do governo estadual é ultrapassar 80% da população com esquema vacinal completo até 30 de novembro. São Paulo tem 4,1 milhões de pessoas que ainda não compareceram para tomar a segunda dose da vacina​

Além da aplicação da segunda dose, o governo também está fazendo ação para aumentar o número de pessoas com a dose de reforço no estado.

Na semana passada, Doria anunciou que maiores de 18 anos poderão receber a dose de reforço da vacina contra Covid. Na ocasião, o governador declarou que a nova injeção poderá ser aplicada cinco meses após a conclusão do ciclo básico, antecipando em um mês.

O anúncio foi feito um dia depois de o ministro da Saúde Marcelo Queiroga anunciar o reforço para todos os adultos do país.

A Prefeitura de São Paulo anunciou também a administração das doses de reforço, que já estão sendo aplicadas. A capital segue a recomendação do estado, e maiores de 18 anos que tenham completado o ciclo básico há cinco meses podem receber o reforço do imunizante contra a Covid.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.