Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
25/11/2010 - 10h54

USP recebe R$ 4,8 milhões para desenvolver droga contra a Aids

Publicidade

JULIANA COISSI
DE RIBEIRÃO PRETO

Quatro projetos de desenvolvimento de medicamentos da USP de Ribeirão Preto, um deles sobre Aids, terão investimento de R$ 9,85 milhões. Os recursos serão liberados pela Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), ligada ao Ministério da Ciência e Tecnologia.

Acompanhe a Folha no Twitter
Conheça a página da Folha no Facebook

O maior volume, de R$ 4,8 milhões, será destinado à Faculdade de Ciências Farmacêuticas, para o desenvolvimento e produção do antirretroviral tenofovir.

O remédio compõe o coquetel anti-HIV. A patente da droga deve expirar em breve, segundo um dos integrantes da pesquisa, o professor Giuliano Cesar Clososki.
Até lá, a USP deve tornar possível sua fabricação em escala industrial, em parceria com uma farmacêutica cujo nome não foi divulgado.

A Finep também destinará à Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto R$ 1,8 milhão para o desenvolvimento de uma droga para imunoterapia de pacientes com HIV.

Mais R$ 1,6 milhão será destinado a uma pesquisa sobre o uso farmacêutico do óleo da copaíba, e R$ 1,4 milhão será empregado na avaliação de um anfi-inflamatório.

A Finep ainda aprovou recursos para pesquisas do HC de São Paulo, da Unicamp e das universidades federais de São Paulo, Goiás, Pernambuco e Santa Catarina.

+ Livraria

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página