Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
27/11/2012 - 16h07

Parque olímpico é devolvido a Londres e vai receber reforma de quase R$ 1 bi

Publicidade

DA EFE

Uma vez desmontada grande parte das estruturas temporárias da Olimpíada de 2012, o Comitê Organizador dos Jogos (Locog) entregou, nesta terça-feira, o parque olímpico de Stratford ao organismo que se encarregará de transformar o local em uma imensa área verde e um novo bairro residencial em Londres.

A Arena de Basquete, com capacidade para 12.000 espectadores, a de Polo Aquático, com 5.000 cadeiras, e as arquibancadas para 17.500 torcedores do Centro Aquático já foram desmontados antes que a Corporação para o Desenvolvimento do Legado Olímpico (LLDC, na sigla em inglês) assumisse hoje os trabalhos no parque, cerca de quatro meses depois da Olimpíada.

Com um orçamento de 292 milhões de libras (cerca de R$ 980 milhões), o LLDC prevê reabrir em 27 de julho de 2013 uma primeira parte do Parque Olímpico Rainha Elizabeth.

Anthony Charlton - 21.dez.11/Efe
Vista aérea do Parque Olímpico de Londres
Vista aérea do Parque Olímpico de Londres

Os espaços onde foram feitas arenas provisórias para os Jogos serão utilizados para construir um novo bairro residencial. Os 2.818 apartamentos da Vila Olímpica dos atletas também serão colocados à venda no mercado imobiliário. Novas pontes, ruas e avenidas serão feitas no local.

O reformulado Centro Aquático será aberto ao público em 2014, transformado em uma piscina municipal. O velódromo também será aberto ao público.

Já as obras do Estádio Olímpico serão mais complexas. Segundo o presidente da LLDC, Dennis Hone, ainda não foi decidido qual será a reforma no local, pois não foi determinado quem ficará com o estádio. A reabertura está prevista para 2016.

O West Ham, clube que disputa a primeira divisão do futebol inglês, tem interesse em ficar com o estádio que vai ter sua capacidade reduzida de 80 mil para 60 mil espectadores.

John Stillwell/Associated Press
Arquibancadas do Centro Aquático foram parcialmente desmontadas no Parque Olímpicos de Londres
Arquibancadas do Centro Aquático foram parcialmente desmontadas no Parque Olímpicos de Londres
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Voltar ao topo da página