Palmeiras vence o Boca e volta classificado da Argentina na Libertadores

Time alviverde venceu por 2 a 0 na Bombonera, gols de Keno e Lucas Lima

S√£o Paulo

O eficiente Palmeiras, que acertou a √ļnica finaliza√ß√£o feita contra o gol do Boca Juniors no primeiro tempo, voltou de Buenos Aires classificado para as oitavas de final da Copa Libertadores.

Em jogos oficiais, a vit√≥ria por 2 a 0 √© a primeira do time alviverde na m√≠tica La Bombonera. Triunfo que quebra a tradi√ß√£o recente de empates entre as duas equipes. Resultado registrado nos √ļltimos seis jogos entre ambos.

Palmeiras suportou bem a press√£o do Boca na Bombonera e volta da Argentina com a vaga nas oitavas
Palmeiras suportou bem a press√£o do Boca na Bombonera e volta da Argentina com a vaga nas oitavas - AFP

Com dez pontos ganhos, líder isolado do grupo H, o Palmeiras só pode ser alcançado por apenas um dos outros três times da chave nas rodadas que faltam. Restam dois jogos ao Boca Juniors, segundo colocado com cinco pontos.

Junior de Barranquilla e Alianza Lima, que enfrentam-se nesta quinta-feira (26), t√™m mais tr√™s jogos. 
Os dois primeiros colocados do grupo continuam no torneio sul-americano.

Apesar de não ter jogado muito no estilo que o técnico Roger Machado prefere, com posse de bola e toques de passe para envolver o adversário, o Palmeiras conseguiu desenvolver um jogo inteligente na Argentina.

A partida foi equilibrada no primeiro tempo. Conforme mostram os mapas de calor das duas equipes, o jogo ocorreu apenas no meio campo. Com poucas jogadas de √°rea.

Ao menos at√© aos 39 minutos da etapa inicial. 

O Palmeiras, que controlava o adversário longe de seu gol, apesar de ficar menos com a bola, abriu o marcador com uma cabeçada de Keno.

O atacante palmeirense, que jogou como titular no lugar de Willian, completou cruzamento da direita, dos pés do lateral Marcos Rocha.

Foi o primeiro gol do atacante com a camisa do Palmeiras em jogos da Libertadores.

No segundo tempo, com 1 a 0 no marcador, o Palmeiras soube se proteger, apesar de novamente n√£o ter ficado mais com a bola do que o advers√°rio. O Boca Juniors finalizou muito mais do que o time brasileiro. 

Mas aos 21 minutos, em um contra-ataque, nova falha do sistema defensivo argentino propiciou o segundo gol do jogo. 

O jovem goleiro Agustín Rossi, 22, que tem recebido críticas na Argentina, saiu do gol para tirar uma bola de cabeça da sua intermediária. Mas ela acabou sobrando para Lucas Lima, que encobriu o goleiro e mandou a bola para o gol vazio. Rossi demorou para retornar para sua meta.

‚ÄúControlamos muito bem a partida. Foi um jogo muito seguro taticamente. E individualmente muitos jogadores estiveram bem tecnicamente. Foi uma partida de alt√≠ssimo n√≠vel‚ÄĚ, analisou o t√©cnico ‚ÄčRoger Machado ap√≥s o jogo.

A classificação antecipada, com dois jogos para fazer na fase de grupos, deve apaziguar um pouco o ambiente do time do Palmeiras.

Desde que perdeu a polêmica decisão do Campeonato Paulista para o Corinthians, em casa, a pressão voltou a crescer no clube.

Na rodada do Brasileiro no fim de semana, o capitão Dudu não comemorou o gol da vitória por 1 a 0 contra o Internacional, no Pacaembu.

Atitude que gerou críticas entre os torcedores que estiveram na Argentina acompanhando o time.
Classificado, o Palmeiras volta a jogar pela Libertadores na quinta-feira (3) no Peru, contra o Alianza Lima.

No Brasileiro, o pr√≥ximo jogo do time alviverde, que empatou na estreia no Rio de Janeiro e depois ganhou em S√£o Paulo, √© novamente em casa. 

A partida contra a Chapecoense será no Allianz Parque, domingo (29), às 16h.

Antes mesmo de vencer na Argentina, o Palmeiras deu provas que n√£o esqueceu a final contra o Corinthians.

O clube, baseado na tese de que houve interferência externa na final do Campeonato Paulista, protocolou na quarta-feira (25) um pedido de impugnação da partida que definiu o título.

Segundo o relatório entregue ao Tribunal de Justiça Desportiva baseado nas provas colhidas pela empresa de investigação Kroll, havia um funcionário da FPF (Federação Paulista de Futebol) com um celular na mão na beira do gramado. O que é contra as normas.

Fotografias anexadas ao processo, segundo o clube, também provam que houve contradição nos depoimentos dos membros da equipe de arbitragem que trabalharam no jogo do Allianz Parque.

O Corinthians ficou com o t√≠tulo na disputa de p√™naltis, ap√≥s vencer a partida por 1 a 0. O Palmeiras reclama que os √°rbitros voltaram atr√°s na marca√ß√£o de um p√™nalti a favor do time alviverde, ap√≥s a interfer√™ncia de algum funcion√°rio da federa√ß√£o. 

A entidade nega que houve a interferência.

Coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.