Costa Rica perde lateral às vésperas da estreia na Copa do Mundo

Ronald Matarrita sofreu uma distensão muscular e foi cortado nesta quinta-feira

São Paulo

Segunda adversária da seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia, a Costa Rica sofreu uma baixa em sua equipe nesta quinta-feira (14), a três dias de sua estreia na competição, diante da Sérvia, em Samara. 

O lateral-esquerdo Ronald Matarrita, que atua no Los Angeles (EUA), sofreu uma distensão muscular e foi cortado. Para o seu lugar, foi chamado Kenner Gutiérrez, jogador do Alajuelense (Costa Rica).

O Brasil enfrentará a Cosata Rica no dia 22, em São Petersburgo.

O lateral da Costa Rica, Ronald Matarrita (22), tenta tirar a bola de Loftus-Cheek, durante amistoso contra a Inglaterra, realizado no último dia 7, em Leeds (ING)
O lateral da Costa Rica, Ronald Matarrita (22), tenta tirar a bola de Loftus-Cheek, durante amistoso contra a Inglaterra, realizado no último dia 7, em Leeds (ING) - Mike Egerton - 7.jun.2018/Associated Press

"Ronald Matarrita vinha apresentando um quadro de dor na parte posterior de sua perna direita. No treino de ontem (quarta-feira), ele nos confirmou que não houve melhora em seu quadro", disse o médico costa-riquenho Alejandro Ramirez.

Após realizar exames de ressonância magnética, segundo a federação costa-riquenha, foi confirmado que o jogador não teria condição de disputar o Mundial e deverá ficar duas semanas afastado dos gramados.

No lugar de Matarrita, o técnico Óscar Ramirez chamou o zagueiro central Kenner Gutiérrez, um dos quatro atletas que compunham a lista de espera da Costa Rica. Ele deverá chegar na Rússia neste sábado (16), 24 horas antes da estreia da equipe na Copa do Mundo diante da Sérvia.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.