Descrição de chapéu Copa do Mundo

Placares elásticos do final de semana elevam média de gols da Copa da Rússia

Até a sexta, a média era de 2,2 gols por jogo e, agora, já saltou para 2,66 gols

Raphael Hernandes
São Paulo

Os 27 gols marcados nos 6 jogos deste fim de semana puxaram para cima a média de gols por partida desta Copa do Mundo.

Até a sexta, a média do Mundial era de 2,2 gols por jogo. No fim de semana, o valor foi de 4,5 e, com isso, a média geral foi içada para 2,66.

O número de gols por partida da Copa-2018 é superior à primeira fase de três edições do Mundial desde 1998, quando foi adotado o formato com 32 equipes.

Até o momento, a Copa do Mundo realizada no Brasil tem a média de gols por partida mais alta dessa série: 2,83.

Se, juntos, os 16 jogos da última rodada da primeira fase na Rússia superarem 51 gols, a média geral ultrapassará a marca atingida em 2014.

No total, a rede foi balançada 85 vezes na Copa de 2018. A seleção brasileira anotou três. Bélgica, Inglaterra e Rússia lideram a estatística com oito cada.

Jogos com mais gols

Este fim de semana teve os dois jogos com mais gols nesta Copa até agora, ambos com sete: o 5 a 2 para a Bélgica sobre a Tunísia, neste sábado (23) e o 6 a 1 da Inglaterra sobre o Panamá neste domingo (24).

Até então, a partida com maior número de gols deste Mundial era o empate por 3 a 3 entre Espanha e Portugal, no dia 15 de junho, segundo dia de competição.

O jogo com mais gols na história das Copas é o 7 a 5 aplicado pela Áustria sobre a Suíça, nas quartas de final da Copa de 1954, na França.

Média de gols por edição do mundial, na primeira fase

  • 1998 – 2,63
  • 2002 – 2,71
  • 2006 – 2,44
  • 2010 – 2,10
  • 2014 – 2,83
  • 2018 – 2,66 (nas primeiras duas rodadas)
Erramos: o texto foi alterado

Em uma versão inicial deste texto, era informado que a média de gols por partida na Copa-2018 era superior à primeira fase de seis edições do Mundial desde 1998. Na verdade, é superior a três edições. A informação foi corrigida

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.