Descrição de chapéu Campeonato Brasileiro

Metade dos gols do Palmeiras no Brasileiro passaram pelos pés de Dudu

Clube pode garantir título do campeonato nacional neste domingo, no Rio

Alberto Nogueira Luiz Cosenzo
São Paulo

Dudu, 26, é a principal arma do Palmeiras em busca de uma vitória contra o Vasco neste domingo (25), às 17h, no Rio, para garantir o título brasileiro com uma rodada de antecipação. O atacante teve participação em 50% dos gols da equipe na competição.

Melhor ataque do campeonato com 60 gols, 4 a mais do que o vice-líder Flamengo, o time alviverde tem em seu camisa 7 motivos para acreditar em um triunfo em São Januário. Segundo levantamento da Folha, o jogador teve participação, direta ou indireta, em 30 das bolas na rede.

Dudu tem sido decisivo não somente nessa reta final do Campeonato Brasileiro. Foi primordial em toda a campanha. Autor de 7 gols, o atacante tem como seu principal fundamento as assistências para os companheiros. Foram 12 até a última partida, contra o América-MG. Ele é líder do quesito na competição.

Dudu durante treino do Palmeiras
Dudu durante treino do Palmeiras - Cesar Greco/Agência Palmeiras

Na análise das partidas, a reportagem contabilizou a participação dele em outros 11 gols palmeirenses, com arrancadas, dribles, cruzamentos, bolas enfiadas e lançamentos para os companheiros darem o passe final para o gol, ou seja, o penúltimo passe antes da assistência final.

O meia também é o recordista em faltas sofridas no Nacional. Foram 116 em 29 jogos, uma média de 4 por partida. Após uma delas, contra o Botafogo, pela 20ª rodada, Lucas Lima converteu a cobrança.

O desempenho, corroborado pelos números, deixa Dudu com grandes chances de ser escolhido o melhor 
jogador do Brasileiro. 

Destaque da equipe, teve uma uma importante melhora de sua performance no campeonato após a chegada de Luiz Felipe Scolari.

Desde a estreia do técnico no Brasileiro, na 17ª rodada, ele fez 4 dos seus 7 gols e deu 9 das 12 assistências que possui em 15 partidas, além de 4 participações incisivas em lances que originaram gols.

Com Roger Machado, treinador que iniciou a competição no comando da equipe e que foi demitido após derrota para o Fluminense pela 15ª rodada, havia feito 3 gols e dado apenas 3 passes para os colegas marcarem em 13 jogos. Soma-se a essa conta sua cooperação em mais 5 bolas nas redes adversárias.

Na troca entre os treinadores, o atacante ainda fez uma partida contra o Paraná sob o comando de Wesley Carvalho, técnico do sub-20 do clube paulista. Na ocasião, participou indiretamente de dois gols.

“Para mim ele é o craque do campeonato. Ele tem feito a diferença. Quando ele passa para o meio ele faz coisas que dificultam a marcação do adversário. Ele tem se dedicado de uma forma maravilhosa desde que eu cheguei aqui”, disse Luiz Felipe Scolari em entrevista coletiva após a vitória sobre o América-MG, na última rodada.

Na partida, Dudu serviu William, autor do segundo gol da goleada por 4 a 0 , e marcou o terceiro em belo chute de fora da área. Ao ser substituído, foi ovacionado pelos mais de 39 mil torcedores presentes no Allianz Parque. 

“Se hoje estou bem no Palmeiras, é graças a ele [Scolari] também”, reconheceu o atleta.

O atacante palmeirense pode alcançar mais um importante objetivo neste domingo contra o Vasco da Gama e cravar seu nome de vez entre os jogadores mais importantes da história da equipe. 

Caso conquiste o título do Campeonato Brasileiro, será o segundo do atleta, que, em 2016, foi também um dos protagonistas da vitoriosa campanha que tirou o clube de São Paulo de uma fila de 22 anos sem levantar a principal taça do país.

No time paulista desde janeiro de 2015, o atacante também ganhou a Copa do Brasil naquele ano, quando foi o autor dos dois gols da vitória sobre o Santos por 2 a 1 —a equipe sagrou-se campeã nos pênaltis.

Desde a chegada ao clube, tem colecionado recordes. Autor de 55 gols em 226 jogos, Dudu é o artilheiro do time no século 21, com 1 a mais do que Vagner Love, hoje na Turquia. Ele também é o maior goleador do Allianz Parque com com 26 gols em 98 jogos.

Após mais uma uma grande temporada, será difícil a diretoria conter o assédio de times estrangeiros ao ídolo palmeirense. No meio do ano, o clube recusou proposta de R$ 54 milhões do futebol chinês.

O Palmeiras chegará ao seu décimo troféu do Campeonato Brasileiro caso vença o rival carioca nessa penúltima rodada. A conquista pode vir também em caso de empate ou derrota. Para isso, basta que o vice-líder Flamengo não vença o Cruzeiro no Mineirão, em jogo que será realizado no mesmo dia e horário.

A diferença na classificação entre os dois times é de cinco pontos (74 a 69).


Vasco x Palmeiras
17h, São Januário
Na TV: Globo SP

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.