Descrição de chapéu Futebol Internacional

Com três de Firmino, Liverpool goleia e dispara na liderança do Inglês

Com goleada de 5 a 1 sobre o Arsenal, equipe abriu nove pontos de vantagem

São Paulo

Com três gols do brasileiro Roberto Firmino, o Liverpool abriu nove pontos de vantagem na liderança do Campeonato Inglês e goleou o Arsenal por 5 a 1 neste sábado (29), em Anfield.

Firmino sinaliza após marcar seu terceiro gol na goleada do Liverpool sobre o Arsenal neste sábado (29)
Firmino sinaliza após marcar seu terceiro gol na goleada do Liverpool sobre o Arsenal neste sábado (29) - Rui Vieira/Associated Press

Invicto ainda na competição após 17 rodadas, o Liverpool se aproxima de quebrar jejum de 27 anos sem conquistar o título nacional. A última vez que isso aconteceu foi em 1990, antes mesmo da criação da Premier League, a versão moderna do campeonato inglês, em 1992.

Neste domingo (30), o Manchester City pode diminuir para sete pontos a diferença em relação ao Liverpool. Isso acontecerá se vencer o Southampton, fora de casa. Antes favorito ao título e atual campeão, o time de Pep Guardiola perdeu as duas últimas partidas, para Crystal Palace e Leicester.

O Liverpool começou perdendo graças a uma finalização de Maitland-Niles para o Arsenal. Mas foi uma desvantagem tão rápida quanto enganosa.

Com rápidas trocas de passe e velocidade no ataque os donos da casa dominaram os 90 minutos. Ainda contaram com a fragilidade defensiva do rival e a boa vontade do árbitro Michael Oliver, que marcou dois pênaltis duvidosos.

Além dos três de Firmino, o Liverpool goleou com gols de Salah e Mané.

Se o entrosamento, o esquema tático e o trio Salah-Mané-Firmino chamam a atenção, a liderança do Liverpool se deve à solidez defensiva. Com a melhor defesa do campeonato, o time sofreu oito gols até agora.

Aos poucos, o técnico alemão Jurgen Klopp resolveu os problemas que atrapalharam em temporadas anteriores. Efetivou o escocês Robertson na lateral esquerda, pagou cerca de R$ 400 milhões pelo zagueiro holandês Van Dijk e enfim levou um goleiro confiável ao clube ao tirar o brasileiro Alisson da Roma (ITA).

Com um pouco mais de cuidado nas finalizações, o time poderia ter feito mais gols.

A última equipe a ser campeã inglesa invicta foi o Arsenal, em 2004.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.