Polícia vai à Granja Comary buscar informações sobre Neymar

Atacante, que é acusado de estupro, não estava no CT da seleção no momento

Diego Garcia Marcos Guedes
Teresópolis (RJ)

​Um carro da Polícia Civil do Rio de Janeiro foi até a Granja Comary, centro de treinamento da seleção brasileira em Teresópolis, na manhã deste domingo (2). O delegado Bruno Gilaberte, do 110º Distrito Policial, buscava informações sobre Neymar.

No sábado (1º), ao se defender de uma acusação de estupro, o jogador publicou um vídeo na rede social Instagram declarando sua inocência.

Ao fim do vídeo, ele exibiu o que seriam conversas por WhatsApp com a mulher posteriores à data em ela afirma ter sido estuprada (15 de maio). Entre as frases, aparecem imagens dela nua ou seminua —com o rosto e partes íntimas borradas.

Carro branco e preto passando por portão
Viatura da Polícia Civil deixa a Granja Comary após procurar por Neymar - Mauro Pimentel/AFP

O jogador não se encontrava na concentração no momento da ida do delegado ao local. Ele estava no fim de um período de folga, concedido a todos os atletas da seleção, e retornou posteriormente, de helicóptero, acompanhado dos colegas Daniel Alves, Thiago Silva e Arthur.

O delegado e um inspetor permaneceram na Granja Comary por cerca de uma hora. Eles foram recebidos pelo chefe da segurança da CBF e por um dos responsáveis pela administração da sede da confederação na região serrana do Rio.

Helicóptero preto com pessoa saindo dele
Neymar volta ao centro de treinamento da Granja Comary depois de pausa no treinamento para a Copa América - Mauro Pimentel/AFP

O atacante da seleção e do Paris Saint-Germain (PSG) é acusado de estupro por uma mulher brasileira. Ela registrou um boletim de ocorrência na sexta (31), na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, no bairro de Santo Amaro, em São Paulo. O caso teria ocorrido em Paris, na França.

A mulher que fez a acusação, cuja identidade foi preservada no boletim de ocorrência, diz ter conhecido Neymar pela rede social Instagram e o encontrado no hotel Sofitel Paris Arc Du Triomphe, no dia 15 de maio. Ela afirma que o jogador apareceu embriagado, tornou-se agressivo e, mediante violência, forçou relação sexual contra sua vontade.

Neymar nega as acusações. Em vídeo publicado em uma de suas contas nas redes sociais, ele mostrou mensagens que teriam sido trocadas após a data apontada na acusação, com o envio de fotos íntimas da mulher —ela aparece nua e seminua, com as imagens do rosto borradas.

“É necessário abrir e expor para provar que realmente não aconteceu nada demais”, disse o atleta. “O que aconteceu nesse dia foi uma relação entre homem e mulher, dentro de quatro paredes, algo que acontece com todo casal. No dia seguinte, não aconteceu nada demais, a gente continuou trocando mensagem”, declarou.

Já o pai de Neymar, Neymar Santos, afirmou em entrevista à TV Bandeirantes que seu filho foi vítima de extorsão. Ele afirmou ter se encontrado com representantes da mulher, que lhe pediram dinheiro para que ela ficasse calada. “Está claro que foi uma armadilha”, disse.

A Polícia Civil de São Paulo ainda não se manifestou sobre o caso. Em nota divulgada no sábado (1º), a Secretaria de Segurança Pública do estado informou que houve uma denúncia registrada pela vítima na 6ª DDM e que o inquérito policial segue em sigilo.

Veja a nota divulgada pela assessoria de imprensa de Neymar ​

"Comunicado Oficial

Foi divulgado hoje, há algumas horas, uma noticia envolvendo o Atleta Neymar Jr., sob a acusação de estupro.

A suposta vítima, inclusive, registrou Boletim de Ocorrência, amplamente divulgado na imprensa.

Apesar de ter ficado surpreso com a notícia, os fatos já eram de conhecimento do Atleta e do seu estafe, tendo em vista que há poucos dias foi vítima de tentativa de extorsão, praticada por um advogado da cidade de São Paulo, que, segundo a sua versão, representava os interesses da suposta vítima.

Os advogados do atleta foram imediatamente comunicados e desde então estão adotando todas as providências pertinentes.

Diante do infeliz, ilegal e ultrajante acontecimento, repudiamos completamente as injustas acusações e, sobretudo, a exposição na imprensa de uma situação extremamente negativa.

Todas as provas da tentativa de extorsão e da inexistência de estupro serão apresentadas à Autoridade Policial oportunamente." 

Veja o que Neymar falou em seu vídeo​

"Bom, vamos lá. Eu estou sendo acusado de estupro. É uma palavra pesada, é uma coisa muito forte, mas é o que está acontecendo no momento. E, bom, fui pego de surpresa.

Foi muito ruim, muito triste escutar isso, porque quem me conhece sabe. Sabe do meu caráter, sabe da minha índole, sabe que eu jamais faria uma coisa desse tipo. Mas vamos lá.

Fui exposto a isso e estou aqui para dar a cara a bater, porque sei que qualquer notícia que seja com o meu nome envolve muita coisa, tem um barulho muito grande, e todo mundo fica querendo a minha declaração. E o que aconteceu foi totalmente o contrário do que falam, do que falam, do que dizem.

Estou muito chateado nesse momento, mas a partir de agora vou expor tudo, vou expor toda a conversa que eu tive com a menina, todos os nossos momentos, que é íntimo, mas é necessário abrir, é necessário expor para provar que realmente não aconteceu nada demais.

Então, logo após esse vídeo vocês vão ver todas as mensagens, tudo o que aconteceu nesse dia e no outro dia, porque o que aconteceu no dia foi uma relação entre homem e mulher, dentro de quatro paredes. Algo que acontece com todo casal, e no dia seguinte não aconteceu nada demais.

A gente continuou trocando mensagem, ela me pediu uma lembrança para o filho, e eu ia levar, e bom... e agora eu fui pego de surpresa por causa disso.

É muito ruim, muito triste. Isso não só magoa a mim, mas como toda a minha família, porque não só denegrir a minha imagem é ruim, mas sim o que eu sou, quem eu sou, a índole que eu tenho, o caráter que eu tenho.

Eu fui criado muito bem, e estar exposto a isso é muito triste, muito ruim.

Estou aqui falando abertamente para vocês que estou muito chateado, mas tenho que provar algo que seja sincero e que seja a verdade. E eu sou muito assim, sou muito eu, sou muito a verdade.

Então, se for para expor as coisas que acontecem no dia a dia eu vou expor. Eu acho que agora é o momento exato para todo mundo ficar sabendo sobre o que aconteceu.

É ruim. Me colocar nessa situação é bem chato. É muito triste acreditar que o mundo está assim, que existem pessoas que querem se aproveitar, que querem extorquir as outras pessoas. É realmente triste, é realmente doloroso. Mas já que me colocaram nessa situação, estou aqui me explicando para vocês.

Já tem mais de três minutos, então espero que fique bem claro. Espero que a Justiça olhe as mensagens e veja o que realmente aconteceu.

É com muita tristeza e com muita dor no coração que eu faço esse vídeo, que eu explico isso tudo. É uma situação bem chata, não só para mim como para a minha família também, e estou aqui para pedir perdão para a minha família por colocarem eles nessa situação."

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.