Ana Marcela vence maratona aquática e se torna recordista de medalhas

Brasileira levou o ouro nos 5km no mundial de esportes aquáticos de Gwangju

São Paulo

A nadadora brasileira Ana Marcela Cunha conquistou a medalha de ouro na prova dos 5 km da maratona aquática no Mundial de Esportes Aquáticos de Gwangju, na Coreia do Sul, na noite desta terça-feira (dia 16 no horário de Brasília, manhã de quarta-feira, 17, no país asiático).
 
A atleta completou o percurso com o tempo de 57min56s, em primeiro lugar, para se tornar a maior medalhista em mundiais na história das provas em águas abertas, com dez pódios. Ela estava empatada com a holandesa Edith Van Dijk, com nove láureas.

A nadadora brasileira Ana Marcela, ouro nos 5km da maratona aquática no mundial de Gwangju, na Coreia do Sul
A nadadora brasileira Ana Marcela, ouro nos 5km da maratona aquática no mundial de Gwangju, na Coreia do Sul - Evgenia Novozhenina/Reuters

No último sábado (13), ela disputou a prova dos 10 km (distância que faz parte do programa dos Jogos Olímpicos), mas não subiu ao pódio. Ana Marcela completou a prova em 1h54min50s5 e ficou com o quinto lugar, o que lhe garantiu a classificação para os Jogos de Tóquio-2020.
 
O ouro conquistado nesta terça, o primeiro da nadadora na distância em mundiais, se junta aos três obtidos nos 25 km, prova mais forte da nadadora baiana, em Xangai-2011, Kazan-2015 e Budapeste-2017.

 
Seus melhores resultados em Mundiais nos 5 km até agora haviam sido nas competições de 2017 e 2013, este último em Barcelona, quando ficou com o bronze —ela tem uma prata em Kazan-2015 nos 5 km, mas em prova por equipes.
 
Na maratona aquática de 10 km, ela acumula três medalhas em Mundiais. Uma prata, em 2013, e dois bronzes, em 2015 e 2017.
 
Além do sucesso em Mundiais, Ana Marcela acumula cinco prêmios de melhor do mundo na modalidade.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.