Descrição de chapéu Campeonato Brasileiro

Invejados um pelo outro, Corinthians e Flamengo duelam em Itaquera

Sem grana rubro-negra, alvinegro ostenta títulos recentes que o rival não consegue

Marcos Guedes
São Paulo

​Campeão brasileiro pela última vez há dez anos, o Flamengo acumula fracassos nacionais e internacionais desde então. O clube ajeitou suas finanças no período e ampliou exponencialmente sua capacidade de investimento, porém viu as taças que cobiçava serem erguidas por um Corinthians cada vez mais endividado.

​Uma inveja mútua liga as equipes, que se enfrentarão a partir das 16h (de Brasília) deste domingo (21), no estádio de Itaquera. Se os rubro-negros buscam o sucesso alvinegro em campo, o lado preto e branco sofre para acompanhar o rival no que diz respeito ao dinheiro no cofre e à força para buscar reforços.

Com a bola dominada, o atacante Vagner Love parte para cima de Pará durante o duelo entre Corinthians e Flamengo pela Copa do Brasil, no Maracanã
Com a bola dominada, o atacante Vagner Love parte para cima de Pará durante o duelo entre Corinthians e Flamengo pela Copa do Brasil, no Maracanã - Rodrigo Grazzanel - 4.jun.2019/Ag. Corinthians

O presidente Andrés Sanchez contou nesta semana que tinha encaminhado a contratação de Gabriel Barbosa, o Gabigol, no começo do ano. “Foi para o Flamengo. Recebeu uma proposta melhor? Tem que ir para o clube que ofereceu a melhor proposta”, afirmou o dirigente, com valores bem maiores do que o salário do atacante para pagar.

A Folha mostrou que a Odebrecht, construtora do estádio em que será disputado o clássico de domingo, calcula ter R$ 800 milhões a receber do Corinthians. O clube diz que o valor a ser pago é de R$ 400 milhões, mas, seja qual for a base de cálculo, o número será suficiente para criar dificuldades orçamentárias por algum tempo.

O dinheiro relativo à construção da arena não está incluído na dívida da agremiação: R$ 452 milhões, ao fim de 2018, contra R$ 418 milhões do Flamengo, segundo estudo publicado pelo Itaú BBA. Nas receitas da última temporada, a vantagem vermelha e preta é de impressionantes R$ 147 milhões: R$ 536 milhões a R$ 389 milhões.

Nos números que mais interessam aos torcedores, porém, a balança vem pendendo para o outro lado. Desde que celebrou a conquista do Campeonato Brasileiro de 2009, o Flamengo ficou praticamente estacionado em troféus além do nível estadual, levantando apenas a Copa do Brasil de 2013.

Já o Corinthians venceu o Brasileiro três vezes (2011, 2015 e 2017), chegando a sete títulos e deixando para trás o Flamengo, que contabiliza seis taças mesmo incluindo na lista a polêmica Copa União de 1987. Vivendo um dos períodos mais vitoriosos de sua história, o time alvinegro levou ainda uma Copa Libertadores (2012), um Mundial (2012) e uma Recopa Sul-Americana (2013).

Na disputa atual, a formação carioca está em vantagem. Com 20 pontos, começou a 11ª rodada seis atrás do líder Palmeiras e cinco à frente do Corinthians, que tem um jogo a menos. Na última rodada, o time dirigido por Jorge Jesus fez 6 a 1 no Goiás, bom momento freado pela eliminação na Copa do Brasil, na última quarta (17), diante do Athletico-PR.

Derrubado pelo próprio Flamengo na fase anterior da copa, o Corinthians não jogou no meio de semana e chega mais descansado ao clássico. Mas não favorito, como disse Andrés, com seu habitual misto de ironia e grosseria. “Lógico que o Flamengo é favorito. Todos os canais falam que é favorito. Vamos ser massacrados”, afirmou, em programa da Fox Sports.

No deboche, o presidente desafiou o adversário a atuar com o esquema ofensivo usado contra o Goiás, que rendeu elogios ao recém-chegado treinador português Jorge Jesus. “Joga desse jeito contra o Corinthians, joga… Vai lá com um volante só”, disse o cartola, questionado na sequência sobre o que ocorrerá se a sugestão for aceita: “Eles têm mais chance de perder, óbvio”.

Fábio Carille, o técnico alvinegro, não cogita atuar com um só homem de marcação no meio-campo. É na segurança defensiva que aposta o comandante, e ele não verá nenhum problema em repetir o placar registrado em três das quatro vitórias de sua equipe no Campeonato Brasileiro: 1 a 0.

Domingo tem Corinthians x Flamengo em dose tripla

O duelo marcado para as 16h (de Brasília), em Itaquera, pelo Campeonato Brasileiro, não é o único entre Corinthians e Flamengo no domingo (21). Os donos das maiores torcidas do país duelarão também pelo Brasileiro feminino e pelo Brasileiro sub-20, sendo todos os confrontos em São Paulo e com transmissão de TV.

A rodada tripla começará às 11h, no Parque São Jorge, onde se enfrentarão as equipes de juniores. Líderes do Nacional da categoria, os jovens rubro-negros visitarão os alvinegros, que ocupam o quinto lugar, quatro pontos atrás, e tentam se aproximar. O embate será exibido ao vivo pelo SporTV.

Às 14h, o confronto será entre mulheres. No Brasileiro feminino, quem está em vantagem na tabela é o Corinthians, líder com 33 pontos. Quarto colocado, com 29, o Flamengo terá a chance de diminuir a distância para o rival no estádio do Pacaembu, em partida que será transmitida na TV aberta pela Band.

Bastará trocar de canal ao fim dos 90 minutos para ver as mesmas camisas na TV Globo, a partir das 16h.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.