Descrição de chapéu Copa do Brasil

Palmeiras testa histórico de Felipão em maratona de jogos

Equipe enfrenta o Internacional nesta quarta-feira (10), pela Copa do Brasil

Toni Assis
São Paulo

​​Uma sequência intensa de jogos, que inclui oito confrontos em 26 dias, coloca à prova a eficiência do Palmeiras de Luiz Felipe Scolari após a pausa para a Copa América. A maratona começa nesta quarta-feira (10), às 21h30, diante do Internacional, pelo duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Em casa, o Palmeiras deverá ter estádio lotado. Mais de 30 mil ingressos já tinham sido vendidos —o estádio tem capacidade para 43 mil pessoas.

O técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, durante treino da equipe nesta terça-feira (9)
O técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, durante treino da equipe nesta terça-feira (9) - Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Na série de jogos decisivos do Palmeiras, que vai até o dia 4 de agosto, o calendário prevê quatro duelos eliminatórios.

Além das duas partidas contra o Inter pela Copa do Brasil, (o jogo de volta acontece no dia 17, em Porto Alegre), o Palmeiras enfrentará, em duelos de ida e volta, o Godoy Cruz, da Argentina, pelas oitavas de final da Libertadores, nos dias 23 e 30 de junho.

Nesse período, a equipe ainda vai encarar dois clássicos pelo Campeonato Brasileiro. O primeiro no sábado (13), diante do São Paulo, no Morumbi. O outro será contra o Corinthians, em Itaquera, no dia 4 de agosto.

Jogos contra Ceará fora de casa, no dia 20 de julho, e Vasco uma semana depois, em São Paulo, também pelo Brasileiro, completam a lista.

Enquanto a Copa América esteve em disputa no Brasil, o Palmeiras aproveitou o intervalo para tentar manter o time ajustado. No planejamento traçado, foram realizados dois jogos-treinos, contra Oeste (SP) e Operário (PR), além de um amistoso frente ao Guarani.

Para o jogo desta quarta, a ideia de Felipão é manter a equipe com uma forte intensidade desde o início, para forçar o erro do adversário e, assim, conseguir um gol logo.

No meio-campo, Felipe Melo e Bruno Henrique serão os responsáveis pela proteção e transição de jogo da equipe, enquanto a criação ficará por conta de Lucas Lima. É na frente que o treinador espera fazer a diferença, com Dudu, Zé Rafael e Deyverson.

Embora a prioridade no ano seja a conquista da Libertadores, Scolari já disse que pretende disputar todas as competições com chances de vencer.

O exemplo a ser seguido no clube é a performance que o time atingiu no Brasileiro.

Nas nove partidas que disputou, o Palmeiras obteve oito vitórias e um empate. Ostenta um aproveitamento de 93% no torneio, além do melhor ataque (com 18 gols marcados) e da melhor defesa (vazada duas vezes).

O destaque da equipe no ano tem sido um velho conhecido: o atacante Dudu, 27.

Especialista em torneios mata-mata, Felipão define como a equipe deve se portar em jogos com esse formato de disputa. “Em jogos com essas características, você tem que errar o menos possível. O que não pode é tentar sair e resolveu tudo de forma desordenada”, afirmou o treinador.

Por estar na disputa da Libertadores, o Palmeiras fez a sua estreia na Copa do Brasil na fase de oitavas de final. No primeiro confronto, confirmou o favoritismo ao eliminar o Sampaio Corrêa (MA) com duas vitórias.

Se Felipão vem trabalhando para tornar o time ainda mais eficiente nesta retomada de calendário, a diretoria também fez a sua parte e trouxe um reforço para a equipe.

O volante Ramires, 32, chegou em junho para reforçar o elenco palmeirense.

Com passagens pela seleção brasileira e experiência em Portugal, na Inglaterra e na China, o jogador estava livre no mercado e acertou um vínculo por quatro anos.

Desde que rescindiu seu contrato com o chinês Jiangsu Suning, o jogador vinha estudando propostas para voltar ao Brasil. Na escolha dele pelo Palmeiras, pesou o fato de ter trabalhado com Scolari na Copa do Mundo de 2014.

Mas Ramires ainda não estará disponível nesta quarta, já que ainda nem foi apresentado oficialmente no clube.

No Internacional, a novidade será a volta do volante Rodrigo Dourado, que não atua desde maio, quando teve uma lesão no joelho esquerdo.

 

PALMEIRAS
INTERNACIONAL

21h30, Allianz Parque
Na TV: Globo e SporTV

Grêmio x Bahia

Após levar uma pancada no tornozelo direito durante treino, o volante Maicon, do Grêmio, é dúvida para a partida contra o Bahia, na quarta-feira, às 19h15. De volta da Copa América, Everton tem futuro incerto no clube, mas deverá ser titular.

Já os baianos terão à disposição Guerra e Juninho, vindos do Palmeiras por empréstimo.

GRÊMIO
BAHIA

19h15, Arena do Grêmio (RS)
Na TV: SporTV

Athletico-PR x Flamengo

A partida, que acontecerá às 21h30 de quarta, marca a estreia do técnico português Jorge Jesus no comando da equipe. Outro que deverá estrear é o lateral direito Rafinha, ex-Bayern. Do lado do Athletico-PR, a novidade deverá ser o zagueiro Lucas Halter, que volta de lesão.

ATHLETICO-PR
FLAMENGO

21h30, Arena da Baixada (PR)
Na TV: SporTV 2

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.