Descrição de chapéu Pan-2019

Bolsonaro diz se identificar com medalhistas do Pan em recepção

Presidente disse que se destacava "de forma excepcional" nos esportes

São Paulo

O presidente Jair Bolsonaro recebeu nesta sexta-feira (16) os atletas brasileiros que participaram dos Jogos Pan-Americanos em Lima, no Peru e comparou a situação dos esportistas com a sua eleição.

"Sem televisão, sem partido político, massacrado pela mídia, facada, sozinho, praticamente vencemos os obstáculos mas vencemos para mudar o Brasil. Não é fácil a minha vida", disse o presidente em evento realizado no Palácio do Planalto.

Presidente Jair Bolsonaro morde medalha em recepção a medalhistas dos Jogos Pan-Americanos Lima 2019
Presidente Jair Bolsonaro morde medalha em recepção a medalhistas dos Jogos Pan-Americanos Lima 2019 - Abelardo Mendes Jr - 16.ago.2019/ Ministério da Cidadania

Bolsonaro também afirmou que se identifica com parte deles e que se destacou “de forma excepcional” nos esportes durante a juventude. Acabei me descobrindo que tinha esse dom. Entrei no exército brasileiro, integrei a equipe de pentatlo militar das Forças Armadas. Estive lá por quatro anos", disse.

Em 2019, o Brasil teve sua melhor participação na história da competição. Ao todo, foram conquistadas 171 medalhas: 55 ouros, 45 pratas e 71 bronzes.

Na última terça-feira (13), o presidente já tinha parabenizado os atletas através de suas redes sociais, aproveitando para ressaltar o papel do exército no esporte. "54,3% [dos medalhistas] são atletas das nossas Forças Armadas", escreveu.

No final de 2018, na transição do governo de Michel Temer para o de Bolsonaro, o presidente criou o Ministério da Cidadania, entregue a Osmar Terra, que englobou o antigo Ministério do Esporte —que foi rebaixado ao status de secretaria

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.