Palmeiras ensaia aproximação com federação em festa de 105 anos

Presidente da FPF é recebido por Maurício Galiotte em aniversário alviverde

São Paulo

A festa dos 105 anos do Palmeiras, completados nesta segunda-feira (26), foi um momento de aproximação do clube com a FPF (Federação Paulista de Futebol).

O presidente da federação, Reinaldo Carneiro Bastos, e o presidente do TJD-SP (Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo), Delegado Olim, estiveram na celebração, realizada em uma casa de eventos na zona oeste da capital.

O Palmeiras tem uma relação conflituosa com a FPF desde a final do Campeonato Paulista de 2018. Derrotado pelo Corinthians no Allianz Parque, o clube apontou interferência externa na anulação de um pênalti a seu favor –antes da implantação do árbitro de vídeo– e acumulou divergências com a entidade após aquela decisão.

Virou regra não haver representantes do Palmeiras em celebrações da federação, como a premiação do Campeonato Paulista, algo que também existia na direção contrária –não havia membros da FPF no aniversário de 104 da agremiação alviverde. Agora, há um movimento de aproximação de ambas as partes.

0
O presidente Maurício Galiotte agora adota um tom mais ameno em relação à FPF - Rafael Hupsel - 21.nov.18/Folhapress

“É um momento do Palmeiras. É um momento institucional”, disse o presidente do clube, Maurício Galiotte. “O Palmeiras, como instituição, convida os demais clubes. Vários estão aí, é um respeito conosco. Agradecemos profundamente. E convidamos também as entidades que participam do futebol”, acrescentou.

A declaração foge bastante do tom acirrado adotado anteriormente. A palavra “Paulistinha”, usada para diminuir o Estadual após a derrota de 2018, foi repetida no primeiro semestre deste ano, em publicação do próprio clube.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.