Pia convoca seleção feminina com 16 atletas que estiveram na Copa

Em sua 1ª lista, sueca mantém base do time que disputou o Mundial da França

São Paulo

A técnica Pia Sundhage fez nesta terça-feira (20) sua primeira convocação à frente da seleção brasileira feminina de futebol, para a disputa de um torneio amistoso de seleções que ocorrerá no estádio do Pacaembu de 26 de agosto a 3 de setembro.

Ao menos por enquanto, a sueca optou por manter a base do time que jogou a Copa do Mundo na França, realizada em junho e julho deste ano. Das 23 atletas que participaram do mundial, 16 estão na lista desta terça.

Há anos a seleção se apoia em atletas veteranas como Marta, 33, e Formiga, 41. Ao menos por enquanto, a renovação não ocorreu. A média de idade das convocadas nesta terça ficou em 28,1 anos, acima do que se viu no grupo que disputou o Mundial da França: 27,9.

Com pouco mais de uma semana para ajustar o time que enfrentará a Argentina no dia 29, às 21h30, Pia começa um ciclo que já em 2020 terá um grande desafio: os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Com o status de bicampeã do torneio (2008 e 2012), ela tenta levar o Brasil ao seu primeiro ouro na modalidade após dois vices (em 2004 e 2008).

Veja as convocadas:

Goleiras: Bárbara (31) - Avaí/Kindermann; Aline Reis (30) - Tenerife-ESP

Laterais: Letícia Santos (24) - Frankfurt-ALE; Fabiana (30) - Internacional; Joyce (31) - Tenerife-ESP; Tamires (31) - Corinthians

Zagueiras: Kathellen (22) - Bordeaux-FRA; Mônica (32) - sem clube; Erika (31) - Corinthians; Bruna Benites ( 33) - Internacional

Meias: Thaisa (30) - Real Madrid-ESP; Formiga (41) - Paris Saint-Germain-FRA; Luana (26) - KSPO-CDS; Yaya (17) - São Paulo

Atacantes: Andressa Alves (26) - Roma-ITA; Geyse (21) - Benfica-POR; Marta (33)- Orlando Pride-EUA; Milene (24) - Corinthians; Debinha (27) - North Carolina Courage-EUA; Chú (29) - Changchun Dazhong-CHN; Bia Zaneratto (25) - Incheon Hyundai-CDS; Ludmila (24) - Atlético de Madrid-ESP; Raquel (28) - Sporting Lisboa-POR

Erramos: o texto foi alterado

Diferente do que a reportagem afirmava, 16 atletas convocadas nesta terça-feira (20) estiveram na Copa do Mundo feminina de 2019, e não 15.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.