Descrição de chapéu Campeonato Brasileiro

Abel Braga deixa o Cruzeiro, e Argel troca o CSA pelo Ceará

Times que lutam contra a queda mudam de técnico a 3 rodadas do fim do Brasileiro

São Paulo

O Cruzeiro anunciou na manhã desta sexta-feira (29) a demissão do técnico Abel Braga, 67, um dia após a derrota da equipe mineira para o CSA, por 1 a 0, resultado que manteve os cruzeirenses em 17º, na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

"Infelizmente, as coisas não dão certo, não é pela incapacidade do treinador, até porque ele não precisa provar nada para ninguém. Mas infelizmente temos que tentar alguma coisa, um choque qualquer", justificou o gestor de futebol do Cruzeiro, Zezé Perrella.​

O dirigente também anunciou que Adilson Batista, 51, assume a equipe para as três rodadas restantes da competição. Ele será o quarto técnico do clube nesta temporada, depois de Mano Menezes, Rogério Ceni e Abel.

Batista estava no Ceará até quarta-feira (27), quando foi demitido após sofrer goleada de 4 a 1 contra o Flamengo.

Técnico Abel Braga comandou Cruzeiro e Flamengo neste Campeonato Brasileiro
Técnico Abel Braga comandou Cruzeiro e Flamengo neste Campeonato Brasileiro - Reuters

Ainda na madrugada desta sexta, Argel Fucks havia começado a dança das cadeiras de técnicos que envolve CSA, Ceará e Cruzeiro, três equipes que lutam contra o rebaixamento no Nacional.

Após vencer o time mineiro nesta quinta (28), no Mineirão, Argel comunicou sua saída do CSA e aceitou convite para dirigir o Ceará.

"Saio com o dever cumprido e de portas abertas. É um projeto diferente [do Ceará]. Já houve um convite muito forte em outubro e agora o convite é mais forte ainda. A gente entendeu que era o momento de um desafio diferente", afirmou o treinador.

A notícia surpreendeu a diretoria do CSA, que imaginava contar com Argel pelo menos até o final da temporada.

 
 

​CSA e Cruzeiro estão na zona de rebaixamento do Brasileiro. O clube alagoano é o 18º, com 32 pontos. Logo à frente está o Cruzeiro, com 36. Dos 20 clubes do campeonato, os quatro últimos vão para a Série B de 2020. O Ceará é o 16º, com 37, e por enquanto permaneceria na elite nacional.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.