Federer será primeira pessoa viva homenageada em moeda na Suíça

Casa da moeda do país fará estampas em prata e ouro com o rosto do tenista

São Paulo

Roger Federer, 38, será a primeira pessoa a ser homenageada ainda em vida em francos suíços.

A Swissmint, a casa da moeda da Suíça, divulgou que o tenista estampará moedas de prata de 20 francos e moedas de ouro de 50 (respectivamente, R$ 85 e R$ 212).

Serão 55 mil unidades de prata, com lançamento previsto no próximo dia 23 de janeiro. Elas podem ser encomendadas entre até o dia 19 de dezembro ou até esgotarem. As 40 mil de ouro devem estar disponíveis em maio.

Desenho da moeda de 20 francos com o rosto de Roger Federer
Desenho da moeda de 20 francos com o rosto de Roger Federer - Divulgação/Swissmint/AFP

Nesta temporada, Federer, maior vencedor de Grand Slams masculinos (20), chegou a marca de 100 títulos conquistados na carreira. Atualmente, ele ocupa a terceira posição do ranking e acumula US$ 129,2 milhões (R$ 543,0 mi) em prêmios na carreira.

Nas redes sociais, o tenista agradeceu a "honra e o privilégio" de receber a homenagem. Nascido na Basileia, é o maior vencedor do torneio da cidade (dez títulos) e mora até hoje no país (mas na cidade de Bottmingen).

Moedas personalizadas são tradicionais no país. Recentemente, por exemplo, a Swissmint produziu uma série de prata para os 50 anos da chegada do homem à lua, uma série natalina ou ainda estampas em homenagem ao Circo Knie, um dos mais tradicionais do mundo, com origem no século 20.

Federer com seu décimo troféu do torneio da Basileia, na Suíça
Federer com seu décimo troféu do torneio da Basileia, na Suíça - Arnd Wiegmann - 27.ago.2019/REUTERS
 
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.