Descrição de chapéu Velocidade

Capotamento na Nascar deixa piloto em estado grave; veja vídeo

Americano Ryan Newman bate na última volta da corrida de abertura da temporada

São Paulo

Um acidente impressionante marcou a prova de abertura da temporada 2020 da Nascar, nos Estados Unidos, na noite desta segunda-feira (17).

O americano Ryan Newman, 42, liderava a corrida até a última volta, quando acabou tocado pelo segundo colocado, Ryan Blaney, 26, perdeu o controle de seu carro, bateu no muro e capotou várias vezes. Em seguida, foi acertado em cheio pelo veículo pilotado por Corey Lajoie, 28.

Newman teve de ser levado imediatamente para o hospital Halifax Medical Center. "Ryan está em estado grave, mas os médicos indicaram que os ferimentos não são fatais", diz trecho do comunicado divulgado pela organização da categoria.

O piloto da equipe Ford é um dos mais experientes do grid, com quase 20 anos de carreira na Nascar. Ele estreou na categoria em 2000, como representante da Penske. Em seu histórico, acumula 18 vitórias, a mais importante delas nas 500 Milhas de Daytona, em 2008.

"Toda a família Ford está enviando pensamentos positivos para sua recuperação, mas nossos primeiros pensamentos permanecem com sua família e sua equipe", afirmou o diretor global da Ford, Mark Rushbrook.

Apesar do acidente, a corrida foi concluída com a vitória de Denny Hamlin, com Blaney chegando em segundo. O piloto da Pesnke disse que não teve intenção de bater em Newman: "Espero que ele esteja bem. Isso é muito ruim e não é algo que você quer fazer. Definitivamente, não foi intencional".

Carro do piloto Ryan Newman voa sobre demais competidores da Nascar após acidente na primeira prova de 2020
Carro do piloto Ryan Newman voa sobre demais competidores da Nascar após acidente na primeira prova de 2020 - Peter Casey/USATODAYSports

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.