Clássico italiano e mais 4 jogos são adiados devido a epidemia de coronavírus

Partida deste domingo entre Juventus e Inter de Milão acontecerá em maio

Elvira Pollina
Roma | Reuters

Cinco partidas da 26ª rodada do Campeonato Italiano que aconteceriam neste fim de semana com portões fechados, incluindo o clássico entre Juventus (líder do campeonato) e Inter de Milão (terceira colocada) deste domingo (1º) em Turim, foram adiadas para maio devido à epidemia de coronavírus no país, informou neste sábado (29) a liga italiana. Quase 900 pessoas já foram diagnosticadas com o vírus na Itália.

Todas as cinco partidas, que também incluem os confrontos Milan x Genoa, Parma x Spal, Sassuolo x Brescia e Udinese x Fiorentina, serão realizadas no dia 13 de maio. Com isso, a final da Copa da Itália, que aconteceria nessa data, foi adiada para 20 de maio.

Torcedor da Juventus usa máscara de proteção em frente ao estádio do clube italiano, em Turim
Torcedor da Juventus usa máscara de proteção em frente ao estádio do clube italiano, em Turim - Massimo Pinca/Reuters

As partidas seriam realizadas com portões fechados após o governo proibir grandes concentrações de pessoas em um esforço para conter o coronavírus. No entanto, dirigentes da liga italiana afirmaram que os canais de TV responsáveis por transmitir os jogos, torcedores e os próprios clubes estavam descontentes com a medida.

Em comunicado, a Série A italiana afirmou que a decisão de adiar as partidas foi tomada "considerando a sucessão de numerosas intervenções regulatórias do governo para responder a esta extraordinária emergência e para proteger a saúde e a segurança públicas".

 

Na semana passada quatro partidas já haviam sido adiadas, incluindo o confronto em casa da Inter de Milão contra a Sampdoria. O diretor-executivo do clube, Giuseppe Marotta, afirmou que a agremiação estava ficando sem datas para remarcar suas partidas.

Ele disse que a situação ficará ainda mais complicada se o banimento do governo a eventos esportivos em seis regiões do país for além deste domingo (1º).

"Como cidadão, e sendo uma situação de emergência, respeito profundamente medidas para proteger a saúde de todos, mas, como dirigente esportivo, estou muito preocupado, especialmente tendo em vista o calendário apertado de compromissos", afirmou.

A Inter de Milão enfrentou o Ludogorets na Itália, pela Liga Europa, com portões fechados na última quinta (27) devido à epidemia de coronavírus
A Inter de Milão enfrentou o Ludogorets na Itália, pela Liga Europa, com portões fechados na última quinta (27) devido à epidemia de coronavírus - Emilio Andreoli - 27.fev.20/Pool/Reuters

O dirigente requisitou um encontro de emergência dos clubes com a liga "porque existem muitos problemas delicados para serem discutidos e eles precisam garantir o equilíbrio e competitividade do nosso campeonato".

Marotta disse ainda que jogar com portões fechados não é o ideal, mas pode ser a única solução.

"Isso poderia com certeza ser resolvido antes, sem decisões de último minuto. Tudo poderia ter sido organizado melhor", completou.

As outras cinco partidas da 26ª rodada acontecerão normalmente –neste sábado (29), Lazio x Bologna e Napoli x Torino; no domingo (1º), Lecce x Atalanta e Cagliari x Roma; e na segunda (2), Sampdoria x Verona.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.