Clubes decidem que jogadores só se reapresentam em maio

Times das Séries A e B do Brasileiro alongaram férias dos elencos por mais dez dias

São Paulo

Em teleconferência nesta terça (14), dirigentes de 37 dos 40 clubes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro decidiram alongar em mais dez dias o período de férias dos jogadores. Pelo plano original, os elencos se reapresentariam no próximo dia 21.

Imagem aérea do Morumbi sem público para o clássico entre São Paulo em Santos, pelo Estadual
Imagem aérea do Morumbi sem público para o clássico entre São Paulo em Santos, pelo Estadual - Eduardo Knapp-14.mar.20/Folhapress

Com a decisão, o prazo foi adiado para 1º de maio.

As férias foram dadas em acordo das equipes com a CBF por causa da pandemia de coronavírus, a princípio por 20 dias. Mas sempre esteve na mesa a possibilidade de aumentá-lo para 30.

O futebol no Brasil está paralisado desde o mês passado por causa da doença.

A política dos clubes, no momento, é ganhar tempo para que os campeonatos possam ser retomados. Sem jogos, não há arrecadação de bilheterias ou direitos de televisionamento.

Os três clubes que não concordaram imediatamente com o aumento das férias foram Flamengo, Botafogo e Vasco. Os três esperam pela definição da Ferj (Federação Estadual do Rio de Janeiro) sobre uma data para retomada do Campeonato Carioca.

O Flamengo já anunciou que a apresentação dos atletas está mantida para o dia 21.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.