Corinthians anuncia o retorno do atacante Jô

Aos 33 anos, ele rescindiu com time japonês e chega para sua 3ª passagem no alvinegro

São Paulo | UOL

O Corinthians acertou o retorno de Jô para a terceira passagem do atacante pelo clube. A volta acontece dois anos e meio depois de o jogador deixar o Parque São Jorge no fim de 2017, em meio às comemorações do título brasileiro. O contrato é válido até 31 de dezembro de 2023.

Para voltar ao Corinthians, Jô, 33 anos, rescindiu o contrato que tinha com o Nagoya Grampus, do Japão. O vínculo acabaria no fim do ano, mas por causa da crise econômica oriunda da pandemia do novo coronavírus, os japoneses decidiram reduzir custos em sua folha salarial e abriram mão do brasileiro.

O retorno acontece depois da saída de Vagner Love, possibilidada por uma rescisão de contrato amigável com a diretoria alvinegra. Agora, o Corinthians conta com dois atacantes de área: além de Jô, Boselli faz parte do elenco.

Revelado pelo Corinthians em 2003, Jô entrou para a história do time ao se tornar o jogador mais jovem a ir às redes com a camisa alvinegra — o gol foi marcado aos 16 anos. O atacante deixou o clube no fim de 2005 para acertar com o CSKA Moscou, depois de marcar 18 gols em 115 jogos.

No fim de 2016, Jô voltou ao Corinthians, depois de deixar o Jiangsu Suning, da China. O atacante chegou em baixa, mas se recuperou e comandou o time alvinegro nas conquistas do Estadual e do Brasileiro 2017.

Jô marcou 25 gols na temporada e terminou 2017 como artilheiro do Campeonato Brasileiro, fato inédito na história do Corinthians. Dias depois, porém, acabou vendido para o Nagoya Grampus por R$ 38 milhões, mesmo com mais dois anos de contrato com o clube alvinegro.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.