Descrição de chapéu Maradona (1960-2020)

Cemitério estuda visitas guiadas para receber fãs de Maradona

Astro do futebol foi enterrado em local privado, afastado do centro de Buenos Aires

Buenos Aires

Assim como possui tradição de funerais grandiosos, a Argentina tem cemitérios famosos que viraram atrações para visitantes e fãs de personalidades neles enterrados.

O túmulo de Evita Perón no cemitério da Recoleta, por exemplo, tornou-se um dos pontos turísticos mais visitados de Buenos Aires.

Prestar homenagens póstumas a Diego Armando Maradona, porém, não será tão simples.

Ainda sob a luz do dia nesta quinta (26), o corpo do maior ídolo do futebol do país foi enterrado no Parque Jardim Bella Vista, cemitério privado localizado a 35 km da capital.

Cerca de 200 policiais farão a segurança do local por pelo menos uma semana. A medida foi ordenada pelo governo de Buenos Aires para evitar incidentes.

Questionada pela Folha, a direção do cemitério informou que a princípio só são permitidas entradas de familiares ou de pessoas autorizadas pelas famílias para realizar visitas.

Por meio de um comunicado, porém, a instituição divulgou que já estuda um sistema de visitas para admiradores de Maradona. A ideia é que elas sejam feitas com hora marcada e em número limitado, com a presença de um guia ou funcionário do próprio cemitério.

Caixão com corpo de Diego Armando Maradona é levado para o enterro no Jardim Bella Vista
Caixão com corpo de Diego Armando Maradona é levado para o enterro no Jardim Bella Vista - Emiliano Lasalvia/AFP

De acordo com suas filhas e a ex-mulher Claudia Villafañe, Diego Armando Maradona queria ser enterrado no local para estar próximo dos pais, Tota e Diego, que morreram em 2011 e 2015, respectivamente.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.