Descrição de chapéu The New York Times

Campeão olímpico é acusado de 3 crimes durante invasão do Congresso dos EUA

Medalhista da natação Klete Keller usava jaqueta da equipe americana durante o ato

Kevin Draper
The New York Times

Klete Keller, nadador que ganhou medalhas de ouro nas Olimpíadas de Atenas-2004 e Pequim-2008, foi acusado de três crimes federais nesta quarta-feira (13), entre os quais obstrução das autoridades e conduta desordeira, como resultado de sua invasão da sede do Congresso dos Estados Unidos durante os violentos protestos da semana passada em Washington.

Keller, 38, foi identificado depois de aparecer em um vídeo postado online por um repórter do site conservador Townhall, de acordo com uma declaração de um agente do Serviço Federal de Investigações (FBI), incluída na acusação.

Keller pouco fez para esconder sua identidade, entrando na rotunda do Capitólio usando uma jaqueta da equipe olímpica americana e com sua máscara abaixada. Ele tem 1,98 m de altura, e a declaração do agente aponta que ele é “um dos indivíduos mais altos a aparecer no vídeo”.

Diversos de seus antigos colegas de equipe disseram ter reconhecido Keller no vídeo por conta de seu tamanho e porque ele estava usando uma jaqueta da equipe olímpica americana, com “USA” gravado nas costas e nas mangas.

Os documentos de acusação não descrevem extensamente as ações de Keller dentro da sede do Congresso, exceto o fato de que os policiais tentaram removê-lo da área, assim como aos demais invasores.

Ele foi acusado de obstruir as autoridades, de entrada e permanência deliberada em um edifício ou área de acesso restrito sem autorização legal, e de ingresso violento e conduta desordeira na área do Capitólio.

Um site noticioso de natação, SwimSwam, foi o primeiro a identificar, na segunda-feira, a presença de Keller nos tumultos. O The New York Times confirmou a presença dele em entrevistas com antigos colegas e treinadores na terça-feira.

Klete Keller após vencer prova nos EUA em 2005
Klete Keller após vencer prova nos EUA em 2005 - Todd Warshaw - 6.ago.05/AFP

As tentativas de contatar Keller foram infrutíferas. Mas na noite de terça-feira a empresa mobiliária do Colorado que o empregou nos últimos três anos, Hoff & Leigh, também parece ter confirmado sua participação na violenta invasão da semana passada, ao anunciar que Keller havia se demitido “com efeito imediato”.

“A Hoff & Leigh apoia a liberdade de expressão e de protesto legal, mas não podemos acatar ações que violam a lei”, a companhia afirmou em um breve comunicado.

Poucas das pessoas que reconheceram Keller no vídeo expressaram surpresa por sua presença em Washington. As contas de mídia social que ele fechou recentemente, disseram diversas dessas pessoas, incluíam diversas mensagens pró-Trump.

Keller participou de três equipes olímpicas americanas e conquistou medalhas em três Olimpíadas, incluindo ouros em Atenas-2004 e Pequim-2008, como membro de equipes de revezamento que incluíam Michael Phelps.

Keller também conquistou uma medalha de prata em uma prova de revezamento na Olimpíada de Sydney, em 2000, e duas medalhas de bronze individuais.

Tradução de Paulo Migliacci

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.