Descrição de chapéu Futebol Internacional

Joan Laporta retorna à presidência do Barcelona e quer segurar Messi

Mandatário foi o responsável, no passado, por contratar Ronaldinho Gaúcho, dentre outros

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O Barcelona escolheu na noite deste domingo (7) o seu novo presidente. Joan Laporta derrotou Víctor Font e Toni Freixa e substituirá Josep Maria Bartomeu, que foi preso em seu escritório no Camp Nou no início do mês em uma investigação de gestão imprópria e corrupção empresarial.

A eleição de Laporta é uma esperança da manutenção do argentino Lionel Messi no clube. O craque teve conflitos com o antigo presidente e seu contrato com o clube catalão termina no fim de junho. O novo presidente disse ser o único capaz de convencer o argentino a permanecer na Catalunha.

Messi foi um dos primeiros jogadores a comparecer na votação para a eleição do novo presidente do Barcelona. Acompanhado de seu filho mais velho, Thiago, o camisa 10 já mostrou ter um nome escolhido para assumir o mandato no clube catalão.

Laporta foi presidente do Barcelona entre 2003 e 2010. No período, o clube venceu quatro vezes o Campeonato Espanhol, duas vezes a Liga dos Campeões e um mundial de clubes.

Sob a gestão de Laporta, o Barcelona contratou nomes como Ronaldinho Gaúcho, Samuel Eto'o, Daniel Alves e Gerard Piqué.

Adversário de Laporta, Toni Freixa deu os parabéns ao novo presidente: "Dou os parabéns ao Presidente Laporta por esta vitória e vamos apoiá-lo desde a nossa candidatura como fizemos em 2015, não será exceção".

Presidente eleito do Barcelona, Joan Laporta, no discurso da vitória
Presidente eleito do Barcelona, Joan Laporta - Albert Gea/Reuters
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.