Descrição de chapéu Copa Libertadores 2021

Palmeiras goleia Del Valle e se mantém 100% na Libertadores

Equipe alviverde lidera chave e começa a encaminhar classificação às oitavas de final

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O Palmeiras cumpriu com tranquilidade seu papel diante do Independiente del Valle, na noite desta terça-feira (27), no Allianz Parque. A equipe alviverde triunfou por 5 a 0 e manteve aproveitamento total no início de sua campanha na defesa do título da Copa Libertadores.

Rony (2), Luiz Adriano, Patrick de Paula e Danilo Barbosa marcaram os gols que levaram o time brasileiro aos seis pontos, na liderança do Grupo A. Os comandados de Abel Ferreira ficaram em situação confortável na busca por uma vaga nas oitavas de final e minimizaram os questionamentos decorrentes dos resultados ruins nas demais competições desta temporada.

Luiz Adriano celebra com Rony o segundo gol do Palmeiras no jogo - Andre Penner/AFP

No duelo com o Del Valle, eles puseram em prática aquilo que fazem de melhor: roubar a bola e resolver os lances rapidamente. Assim, ainda que tenham permitido aos equatorianos ter o domínio da posse na maior parte do tempo, os donos da casa se mostraram bem mais eficientes.

O placar começou a tomar forma rapidamente em São Paulo. Em 20 minutos, a vantagem do Palmeiras já era de dois gols, ambos construídos após falhas cometidas pelos visitantes em seu campo de defesa.

Aos 11 minutos, Pacho foi muito mal na saída de bola, entregando-a a Raphael Veiga. Pellerano não conseguiu cortar o passe do meia, que chegou a Rony na área. O atacante bateu com força para abrir o placar.

Pouco depois, aos 20, o Del Valle voltou a falhar na tentativa de ir ao ataque. Patrick de Paula deu o toque na direção da área, e Pacho errou de novo, fracassando em uma tentativa simples de interceptação. Luiz Adriano aproveitou.

Estéril em sua posse de bola até o intervalo, a equipe equatoriana passou a ser mais perigosa na etapa final. Ela pressionava, até que entregou a bola ao Palmeiras outra vez. Patrick de Paula fez o desarme, aos 20 minutos, e bateu duas vezes para balançar a rede.

Foi o gol 12 mil da história alviverde, de acordo com a contabilidade do clube, que marcou novamente aos 29, em jogada rápida concluída por Rony. Aos 36, Danilo Barbosa fechou a contagem de cabeça.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.