NBA inicia 'playoffs' e ensaia volta ao normal com público de até 15 mil pessoas

Fase final começa neste fim de semana, e liga trabalha por mais gente nas arquibancadas até a decisão

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

​Começam neste sábado (22) os tradicionais “playoffs” da NBA. Encerrada uma fase de classificação reduzida –pelas dificuldades no calendário em meio à pandemia do novo coronavírus– e finalizada uma espécie de vestibular pelas quatro vagas finais –chamado de “play-in”, disputado em formato inédito–, a liga norte-americana de basquete ensaia uma volta à normalidade.

Diferentemente do que ocorreu na temporada passada, a fase derradeira não será realizada no formato “bolha”, como ficou conhecido o ambiente de proteção contra a Covid-19 instalado no complexo da Disney, nos arredores de Orlando. Será nos ginásios das próprias equipes que elas brigarão pelo troféu do campeonato de 2020/21.

Partida do "play-in" entre Memphis Grizzlies e San Antonio Spurs, nesta semana, teve 7.000 espectadores no FedExForum, em Memphis - Justin Ford - 19.mai.21/AFP

Se a taça anterior foi levantada pelos jogadores do Los Angeles Lakers em uma quadra que nem arquibancada tinha, na frente apenas de alguns familiares, a expectativa agora é que as partidas se desenvolvam em uma atmosfera cada vez mais parecida com a que existia antes do surgimento do Sars-CoV-2. E isso só é possível com público nas arenas.

Todas as casas dos 16 times classificados já têm permissão para receber espectadores, embora ainda exista uma grande variação no nível das restrições impostas de estado para estado nos Estados Unidos. O Madison Square Garden, em Nova York, está liberado para 15 mil pessoas. O Moda Center, em Portland, por enquanto, tem 2.000 como limite.

Os dirigentes da liga estão trabalhando com as autoridades locais na tentativa de fazer esses números crescerem ao longo do mata-mata. Por isso, têm encorajado a vacinação dos torcedores para que os imunizados possam ocupar setores exclusivos, sem necessidade de distanciamento, o que ampliaria a capacidade de ocupação.

A aplicação das vacinas ocorre em ritmo acelerado no país. O governo norte-americano comprou doses suficientes para imunizar três vezes toda a sua população de 330 milhões de pessoas e já aplicou ao menos uma dose em 60% dos adultos. Há imunizantes disponíveis para todos os interessados, o que inclui turistas estrangeiros.

A NBA informou recentemente que 75% de seus jogadores estão vacinados, atletas que passaram a obedecer protocolos bem menos rígidos do que os adotados ao longo da temporada. Já aqueles que se recusaram a levar a picada no braço estão sujeitos a períodos de afastamento, como ocorreu recentemente com o armador Dennis Schröder, dos Lakers.

Foi com Schröder claramente fora de forma após duas semanas fora que o time de Los Angeles sobreviveu ao “play-in”, na última quarta-feira, com cesta decisiva de LeBron James e vitória sobre o Golden State Warriors. Os Lakers fazem uma campanha difícil na defesa do título, cheia de lesões, mas avançaram com o sétimo lugar da Conferência Oeste e estão vivos.

Entre seus desafiantes no lado esquerdo da chave está a outra equipe de Los Angeles, os Clippers. Os surpreendentes Utah Jazz e Phoenix Suns, primeiro e segundo colocados da conferência, também se apresentam como candidatos a destronar os atuais campeões e avançar à decisão, marcada para julho.

Há surpresas também no Leste, como o New York Knicks, classificado aos “playoffs” pela primeira vez desde 2013. O favoritismo nesse lado se divide entre o Philadelphia 76ers, líder da primeira fase, o Milwaukee Bucks, do dominante Giannis Antetokounmpo, e o Brooklyn Nets, que passou a reunir os talentos de Kevin Durant, Kyrie Irving e James Harden.

As séries das quartas de final de cada conferência, disputadas em formato melhor de sete, terão seu tapinha inicial no final de semana. Abrem a disputa, neste sábado, Milwaukee Bucks x Miami Heat (15h, SporTV 3), Los Angeles Clippers x Dallas Mavericks (17h30, SporTV 3), Brooklyn Nets x Boston Celtics (21h, ESPN) e Denver Nuggets x Portland Trail Blazers (23h30, ESPN).

Os confrontos dos “playoffs” da NBA

Conferência Oeste

Utah Jazz (1º) x Memphis Grizzlies (8º)
Los Angeles Clippers (4º) x Dallas Mavericks (5º)
Denver Nuggets (3º) x Portland Trail Balzers (6º)
Phoenix Suns (2º) x Los Angeles Lakers (7º)

Conferência Leste

Philadelphia 76ers (1º) x Washington Wizards (8º)
New York Knicks (4º) x Atlanta Hawks (5º)
Milwaukee Bucks (3º) x Miami Heat (6º)
Brooklyn Nets (2º) x Boston Celtics (7º)

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.