Descrição de chapéu Futebol Internacional

Eriksen recebe alta médica e visita companheiros de seleção da Dinamarca

Meio-campista de 29 anos, que sofreu parada cardíaca, voltou para casa nesta sexta (18)

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Após passar por cirurgia para a colocação de um desfibrilador cardíaco, o meio-campista dinamarquês Christian Eriksen recebeu alta médica nesta sexta-feira (18) e deixou o hospital Rigshospitalet, em Copenhague.

O jogador ainda aproveitou a liberação para visitar seus companheiros de seleção, que seguem na disputa da Eurocopa. Eriksen já está em casa na companhia de familiares e seguirá com o processo de recuperação.

"Obrigado pelo enorme número de felicitações –foi incrível ver e sentir [o carinho]. A operação teve sucesso, e estou me sentindo bem diante das circunstâncias", afirmou Eriksen, em comunicado divulgado pela federação dinamarquesa.

"Foi muito legal rever os companheiros após o grande jogo que eles fizeram na noite passada (quinta, 17, contra a Bélgica). Não é preciso dizer, mas estarei torcendo por eles na segunda (21) contra a Rússia", completou o atleta da Inter de Milão.

Christian Eriksen teve uma parada cardíaca durante a estreia da Dinamarca na Eurocopa, contra a Finlândia, no último sábado (12), em Copenhague.

O jogador caiu subitamente no gramado aos 42 minutos do primeiro tempo e foi logo atendido por paramédicos e profissionais da seleção dinamarquesa.

"Ele se foi. Fizemos ressuscitação cardíaca, foi uma parada cardíaca. Quão perto estávamos? Não sei. Nós o trouxemos de volta depois de uma desfibrilação", disse Morten Boese, médico da equipe nacional.

Até aqui na Euro, a Dinamarca disputou duas partidas e foi derrotada em ambas. Na estreia, após o jogo ser retomado no mesmo dia do incidente com Eriksen, os dinamarqueses perderam para a estreante Finlândia por 1 a 0.

Nesta quinta (17), saíram na frente do placar, mas sofreram a virada contra a Bélgica, que venceu por 2 a 1. O duelo foi marcado por homenagens das duas seleções e dos torcedores presentes no estádio Parken ao meio-campista.

A equipe fecha sua participação na Eurocopa na segunda-feira (21), diante da Rússia, em Copenhague.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.