Descrição de chapéu tênis

Djokovic vai à 7ª final de Wimbledon e pode igualar Federer e Nadal em Grand Slams

Em busca de seu 20º título dos principais torneios de tênis, sérvio enfrentará Matteo Berrettini

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Josué Seixas
Maceió

Novak Djokovic, atual número 1 do mundo, venceu o canadense Denis Shapovalov por 3 a 0 (7/6, 7/5 e 7/5) na semifinal de Wimbledon, nesta sexta (9), e se classificou para a decisão do torneio inglês, no domingo (11), às 10h (SporTV e Bandsports).

O adversário será o italiano Matteo Berrettini, 25, que disputará sua primeira final de Grand Slam.

Djokovic, dono de 19 títulos de Grand Slams, está a um jogo de empatar com Roger Federer e Rafael Nadal, maiores vencedores, com 20 troféus cada um.

O tenista chega à sua sétima final na grama inglesa, tendo conquistado cinco títulos do torneio. Ele está empatado com Bjorb Borg e tem Pete Sampras (sete títulos) e Roger Federer (oito títulos) à frente.

Djokovic rebate bola de Shapovalov
Djokovic já venceu em Wimbledon cinco vezes - Toby Melville/Reuters

"Eu fico muito feliz quando algo histórico está para acontecer [recorde de títulos]. Mas eu preciso balancear isso com viver o momento e tentar vencer o próximo jogo. Tento usar o máximo das minhas habilidades em todas as partidas. Desistir nunca é uma opção", falou Djokovic ao final da partida desta sexta.

Na outra semifinal, Matteo Berrettini venceu Hubert Hurkacz por 3 a 1 (6/3, 6/0, 6/7 e 6/4). O italiano é o primeiro representante do país a chegar a uma decisão de título da competição. No geral, a última final disputada por um italiano foi em 1976, quando Adriano Panatta venceu em Roland Garros. Berrettini é o número 9 do ranking da ATP.

"É a minha primeira final de Grand Slam e estou muito, muito feliz, por tudo. Meu ano começou bom, mas me machuquei. Voltei mais forte. Acho que mereço muito estar aqui e quero aproveitar o que fiz hoje. Foi meu melhor jogo da carreira. Quero aproveitar minha primeira final", disse o jogador.

Berrettini comemora vitória na semifinal
Berrettini disputará sua primeira final de Slam - Toby Melville/Reuters

Neste sábado (10), a tcheca Karolina Pliskova e a australiana Ashleigh Barty se enfrentarão pela final de simples feminino. As duas tenistas disputarão pelo primeira vez a final do Grand Slam inglês. O jogo, que começa às 10h, será transmitido por SporTV e Bandsports.

Os campeões veteranos de Wimbledon não tiveram sorte nesta edição. Com sete títulos, Serena Williams, 39, abandonou logo na estreia, após sofrer lesão na partida contra Aliaksandra Sasnovich. Já Roger Federer, 39, que triunfou oito vezes no torneio, foi derrotado nas quartas de final pelo polonês Hubert Hurkacz. Ele tentava se tornar o tenista mais velho a chegar à semifinal da competição.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.